icon Terça-feira, 28 de Janeiro de 2020

ARTIGOS - A | + A

08.04.2019 | 15h:40

Cuiabá de ontem e sempre

Por: Cláudia Campello

Ah minha Cuiabá, se tu tivesses sabor, Seria de Piraputanga...assada na folha da bananeira! Se fosses música...seria da roda de cururueiros, do Siriri, e dos  pardais nas mangueiras!  

 

E se de tecido fostes feita... feita seria de chita...leve, florido e simples como os cuiabanos de raiz!   Ah se Cuiabá, mas se tu fosse mar, mar seria de...saudade... saudade de um tempo com mais frutas nos quintais e espécies de pêtches nesse rio frondoso que margeia nossa capital!   

 

(Ah essa Cuiabá de todos os encantos, de todos os encontros de tudo quanto é gente!)   Mas Cuiabá, nos seus 300 anos preserva tudo isso...na memória dos que viverem os idos de Rondon, de Dunga Rodrigues; de Amini Haddad, Izabel Campos, Ana Maria do Couto, Maria Miller, Zulmira Canavarros, dona Eulália, e muitas mais mulheres de verdade!   

 

Ê ah! Cuiabá é digoreste! -Agora espia aí. Seu Nhonhô não fica mais na calçada/ Nem xás crianças brincam mais de finca finca, bola de gude e virar figurinha com a mão;   

 

-Mas espia aí/ O progresso chegou//tiraram as redes dos rios e das varandas/ e a praça ficou sem causos pra contar! Era ufa de gente que vinha de atravessar a ponte umbilical que liga Várzea a Cuiabá, pro cinema da Getulio, pro Sayonora, pro Dutrinha, pro Club Militar, Club Feminino e Chopão  

 

Ah Cuiabá, das tradições e culturas...das extrações do ouro que levantaram as catedrais/logo após os bandeirantes e Pascoal Moreira Cabral acharem o caminho das pedras e se enamorarem das índias virginais.   

 

Ah Cuiabá, dos Monteiros, Mirandas, dos Oliveiras, dos Garcias, Botelhos, Barros, Pinheiros ,Campos, Neves, Auad e tantos outros de thapa e cruz, paus rodados e paus fincados/omo é bom te amar!   

 

És hoje véu de noiva/branco de promessas/cheia de  arranha-céus...e pronta com o seu calor, a gerar novas riquezas, com seus sabores, ritmos e tradições  secular.   

 

Cuiabá de ontem, de hoje e para sempre, tu és sim, noiva da terra prometida de Dom Bosco/ há verter leite e mel.  Singular em beleza/ Plural de amores e riquezas!   

 

Ah Cuiabá...“Celeiro de esperança do Brasil”, és minha, nossa...verde-ainda, capital! Parabéns, Cuiabá.

 

*Cláudia Campello é jornalista e assessora do deputado Eduardo Botelho

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

INFORME PUBLICITÁRIO





icon COTAÇÕES MT
MILHO DISPONÍVEL R$/sc 29,90
LEITE R$/l 1,08
VACA GORDA À VISTA R$/@ 182,28
PREÇO DO SUÍNO VIVO R$/kg 4,62
BOI GORDO À VISTA R$/@ 195,11
PLUMA DISPONÍVEL R$/@ 79,87
SOJA DISPONÍVEL R$/sc 78,75
Fonte: Imea







logo O bom da notícia

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte;

Copyright © 2018 - O Bom da Notícia - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet