icon Quarta-feira, 22 de Maio de 2019

BRASIL & MUNDO - A | + A

BRASIL 13.03.2019 | 18h:20

Assassino postou fotos com arma minutos antes de massacre

Por: Da Redação

Rede Social

Rede Social

Um dos dois assassinos que promoveram massacre da Escola Estadual Raul Brasil, em Suzano (SP), que deixou dez pessoas mortas nesta quarta-feira (13), publicou no Facebook, minutos antes do ataque, fotos com uma máscara de caveira e com uma arma.

 

Em post feito às 9h34, Guilherme Taucci de Monteiro, de 17 anos, postou cerca de 20 fotos na rede social em que aparece fazendo gestos obscenos, segurando um revólver e usando no rosto um lenço com um desenho de caveira — item semelhante foi encontrado no local do crime.

 

Leia também - Atirador não tinha histórico de problema na escola, diz secretário

 

Guilherme e Henrique Castro, de 25 anos, mataram 10 pessoas e em seguida cometeram suicídio. Eles eram ex-alunos da escola estadual Raul Brasil, segundo informou o secretário de Segurança Pública de São Paulo, João Camilo Pires de Campos.

 

Os atiradores já ganharam status de heróis nos chans brasileiros de ódio. Nos fóruns como o 55chan e o Dogolachan, que são conhecidos por criarem conteúdos de ódio contra todo tipo de minoria, muitos já especulam se os atiradores frequentavam os sites.

 

Alguns chaneros, no entanto, lamentam que ambos não conseguiram ultrapassar o número de mortos do Massacre de Realengo, cometido por Wellington Menezes de Oliveira em 2011 que matou 12 crianças e depois tirou a própria vida. Segundo um post do DPR, Luiz era conhecido no fórum como "luhkrcher666", e Guilherme como "1guY-55chaN" e que todas as conversas entre os atiradores foram deletadas previamente ao atentado. Embora a única fonte de informação seja o administrador que age no anonimato no fórum, há fortes indícios de que os atiradores de fato tenham procurado o fórum para organizar o ataque."

 

A polícia informou na tarde desta quarta-feira (13) que o assassino Guilherme Taucci Monteiro, de 17 anos, matou o comparsa, Luiz Henrique de Castro, de 25, e depois se suicidou.

 

Segundo a reportagem, a dupla que assassinou alunos e funcionários da Escola Estadual Professor Raul Brasil, na cidade de Suzano, em São Paulo, tinha um pacto de que fariam o ataque e depois se matariam. Eles também andavam pesquisando na internet sobre massacres em escolas dos EUA.

 

Segundo o secretário de Segurança Pública de São Paulo, João Camilo Pires de Campos, ainda não se sabe a motivação do crime. (Informações G1)

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

CONFIRA TAMBÉM NESTA SEÇÃO:































PROGRAMA TRIBUNA VEJA MAIS

O Bom da Notícia Programa Tribuna - 22/05/2019

INFORME PUBLICITÁRIO


INFORME PUBLICITÁRIO




icon COTAÇÕES MT
Milho Disponível R$/sc 21,70
Algodão R$/@ 90,09
Boi a Vista R$/@ 135,00
Soja Disponível R$/sc 57,00
Fonte: Imea







logo O bom da notícia

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte;

Copyright © 2018 - O Bom da Notícia - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet