icon Terça-feira, 16 de Julho de 2019

ESPORTES - A | + A

COPA AMÉRICA 24.06.2019 | 10h:04

Everton Cebolinha é o cara da Seleção

Por: Gazeta Press

Reprodução

Reprodução

Everton Cebolinha é a cara da Seleção Brasileira na busca pelo título da Copa América de 2019. Um dos poucos no elenco do técnico Tite que atua no futebol brasileiro, único que teve chance de atuar na competição, ele deixou a Arena Corinthians, no último sábado, exaltado pelos companheiros.

 

E, no que depender da avaliação dos jogadores, não deve permanecer por muito mais tempo no Grêmio. “Everton é um cara que está pronto, um cara que eu vejo jogando na Europa perfeitamente”, comentou o lateral esquerdo Filipe Luís, que atuou por quase toda a década no Atlético de Madrid, e que combina com o ponta na hora de atacar. 

 

Para ele, o jovem de 23 anos tem mostrado uma clara evolução. “Sempre escolhe a jogada certa, sempre se coloca bem, e isso faz a diferença, abre a marcação”, avaliou o defensor. Opção no banco enquanto o garoto curte o momento de glória, o também experiente Willian, do Chelsea, não economizou nos elogios ao concorrente. 

 

“Ele está jogando muito, está jogando demais, merece toda essa exaltação. Entrou bem contra a Bolívia, fez gol, entrou bem no jogo passado. Hoje (sábado) foi o melhor em campo. É importante para a Seleção toda que ele esteja nesse momento”, assegurou o camisa 10. 

 

Novidade na escalação para encarar o Peru, Everton tem tudo para ser mantido no próximo jogo, de quartas de final, justamente na Arena do Grêmio. Ainda sem adversário definido, os seus companheiros acreditam que o amor demonstrado pela torcida pode ser fundamental na busca pelo título. 

 

“A forma de jogar dele é essa, agudo na hora de encarar, de ir para cima do adversário, eu falo para ele não se preocupar em marcar, para que ele tenha sempre o mano a mano, que ele não tenha tanto desgaste na hora de marcar. A gente precisa do apoio da torcida, precisamos que ela esteja do nosso lado até me momentos não tão bons, como em Salvador”, concluiu. 

 

Tite - O atacante Gabriel Jesus desperdiçou a oportunidade de encerrar a goleada da Seleção Brasileira contra o Peru na tarde de sábado. O técnico Tite lamentou o pênalti perdido pelo jogador do Manchester City na arena de Itaquera, mas tomou o cuidado de elogiar sua atuação. “Fiquei triste pelo Gabriel Jesus não fazer o gol, porque jogou muito. 

 

Deve se orgulhar pela partida e pelo momento que vive. Estava torcendo por ele individualmente, mas o gol não seria determinante no grande jogo que fez”, elogiou o treinador.

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

LEIA MAIS SOBRE ESTE ASSUNTO

CONFIRA TAMBÉM NESTA SEÇÃO:































PROGRAMA TRIBUNA VEJA MAIS

O Bom da Notícia Programa Tribuna - 16/07/2019

INFORME PUBLICITÁRIO


INFORME PUBLICITÁRIO





icon COTAÇÕES MT
Boi a Vista R$/@ 135,00
Algodão R$/@ 90,09
Soja Disponível R$/sc 57,00
Milho Disponível R$/sc 21,70
Fonte: Imea







logo O bom da notícia

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte;

Copyright © 2018 - O Bom da Notícia - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet