icon Quinta-feira, 19 de Setembro de 2019

POLÍTICA - A | + A

EM NOME DOS GOVERNADORES 19.08.2019 | 09h:04

Ao lamentar política ambiental de Bolsonaro, Mendes diz que é defensor incondicional do Fundo Amazônia

Por: Marcio Camilo - O Bom da Notícia

Congresso em Foco

fundo amazonia

Mauro Mendes durante reunião da cúpula dos governadores da Amazônia, neste mês

 

O governador Mauro Mendes (DEM), em nota conjunta com os demais governadores da Amazônia Legal, disse que é um defensor incondicional do Fundo Amazônia e que o "bloco de gestores lamenta que as posições do governo brasileiro tenham provocado a suspensão dos recursos.

 

As declarações e a política ambiental de Bolsonaro tem levantado suspeitas na comunidade europeia sobre a preservação da Amazônia.

 

Em razão disso, Alemanha e Noruega - principais doadores do Fundo Amazônia - já interromperam o financiamento projetos de proteção da biodiversidade e da floresta brasileira no valor de R$ 155 milhões de reais, o que equivale a 35 milhões de euros.

 

"O bloco amazônico lamenta que as posições do governo brasileiro tenham provocado a suspensão dos recursos. Nós, governadores da Amazônia Legal, somos defensores incondicionais do Fundo Amazônia", destaca a nota dos governadores.

 

O bloco amazônico lamenta que as posições do governo brasileiro tenham provocado a suspensão dos recursos. Nós, governadores da Amazônia Legal, somos defensores incondicionais do Fundo Amazônia

O grupo já informou ao Governo Federal que pretende dialogar diretamente com os países financiadores do fundo, para tentar reverter a situação.

 

Bolsonaro, segundo a nota, teria sinalizado positivo para a negociação dos gestores que fazem parte do Consórcio Interestadual de Desenvolvimento Sustentável da Amazônia Legal.

 

"No Planejamento Estratégico do Consórcio temos compromisso integral com o Desenvolvimento Sustentável. Somos radicalmente contra qualquer prática ilegal de atividades econômicas na região. No âmbito de nossas atuações, estamos firmes e vigilantes no combate e punição aos que querem atuar fora da lei. Por isso, estamos cobrando do Governo Federal o combate e a punição das atividades ilegais", ressaltam os governadores.

 

Veja a nota na íntegra:


“Sobre a suspensão dos recursos da Alemanha e Noruega para o Fundo Amazônia, o Govenador do Amapá, Waldez Góes, na condição de presidente do Consórcio Interestadual de Desenvolvimento Sustentável da Amazônia Legal, esclarece que:

 

1 – O bloco amazônico lamenta que as posições do governo brasileiro tenham provocado a suspensão dos recursos. Nós, governadores da Amazônia Legal, somos defensores incondicionais do Fundo Amazônia.

 

2 – Já informamos oficialmente ao Presidente da República, e às Embaixadas da Noruega, Alemanha e França, através de audiência e durante o Fórum em Palmas (TO), que o Consórcio Interestadual de Desenvolvimento Sustentável da Amazônia Legal estará dialogando diretamente com os países financiadores do Fundo.

 

3 - No Planejamento Estratégico do Consórcio temos compromisso integral com o Desenvolvimento Sustentável. Somos radicalmente contra qualquer prática ilegal de atividades econômicas na região. No âmbito de nossas atuações, estamos firmes e vigilantes no combate e punição aos que querem atuar fora da lei. Por isso, estamos cobrando do Governo Federal o combate e a punição das atividades ilegais.

 

4 - Os governantes do bloco amazônico desejam participar diretamente das decisões para reformulação das regras do Fundo Amazônia, que estão sendo feitas pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). Queremos, ainda, que o Banco da Amazônia passe a ser o gestor financeiro do Fundo, em razão da proximidade da instituição financeira com os Estados, já que o Banco da Amazônia possui sede em todas as unidades do bloco.

 

5 – O Governo Federal sinalizou positivamente para uma agenda com os governadores dos Estados membros do Consórcio de Desenvolvimento da Amazônia Legal para tratar do Fundo Amazônia e outros temas relacionadas à política de Meio Ambiente. 


Leia mais

Barbudo lembra de prêmio 'Motosserra de Ouro' e diz que Blairo 'gosta de andar do lado do poder'

 

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

LEIA MAIS SOBRE ESTE ASSUNTO

CONFIRA TAMBÉM NESTA SEÇÃO:































VÍDEOS VEJA MAIS

INFORME PUBLICITÁRIO





icon COTAÇÕES MT
SOJA DISPONÍVEL R$/sc 71,82
BOI GORDO À VISTA R$/@ 141,05
VACA GORDA À VISTA R$/@ 132,07
PLUMA DISPONÍVEL R$/@ 74,04
MILHO DISPONÍVEL R$/sc 23,17
PREÇO DO SUÍNO VIVO R$/kg 3,74
LEITE R$/l 1,09
Fonte: Imea







logo O bom da notícia

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte;

Copyright © 2018 - O Bom da Notícia - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet