icon Sábado, 19 de Outubro de 2019

POLÍTICA - A | + A

ACORDOS COMERCIAIS 13.09.2019 | 13h:57

Mendes cobra investimentos de embaixadores, ao reforçar que MT vem tentando fazer 'dever de casa'

Por: Marisa Batalha - O Bom da Notícia

(Foto: WhastApp)

Mauro(WhastApp-Governadores-embaixadores.jpeg

 

Em reunião nesta sexta-feira (13), em Brasília, com os embaixadores da Noruega, Alemanha, Reino Unido e França, o governador democrata Mauro Mendes - acompanhado de outros gestores estaduais da região amazônia -, reforçou o interesse de Mato Grosso em firmar parcerias diretamente com os países que eles representam.

 

Na primeira rodada de conversa com os embaixadores da Noruega (Nils Martin Gunneng), Reino Unido (Vijay Rangarajan) e Alemanha (Georg Witschel) - que durou por quase três horas -, os governadores da Amazônia Legal apresentaram suas demandas em relação ao Fundo Amazônia e também novos caminhos de cooperação internacional que não sejam mediados pelo governo federal.

Governadores da Amazônia Legal apresentaram suas demandas em relação ao Fundo Amazônia e sobre novos caminhos de cooperação internacional em reunião com embaixadores europeus

 

Entre as pautas esteve um novo fundo, vinculado diretamente ao Consórcio Interestadual de Desenvolvimento Sustentável da Amazônia Legal, com personalidade jurídica própria. E também a promessa de uma relação de parceria com os financiadores de boas práticas na Amazônia, sejam de combate [ao desmatamento] e mitigação, ou de alternativas de desenvolvimento.

 

Em outubro, os representantes dos países europeus e dos consórcio de estados brasileiros devem voltar a se encontrar e começar a falar em valores. Mas um pouco antes do encontro, o embaixador da Noruega, Nils Martin Gunneng, ja havia adiantado, em conversa com jornalistas, que os embaixadores têm interesse em cooperar com os governos estaduais. “Nós queremos trabalhar junto com todos os níveis do Brasil e o que nós queremos hoje é entender mais o que os governadores querem, o que eles acham da situação e quais soluções eles dão”.

 

De acordo com o governador democrata, Mato Grosso vem buscando realizar - com nota máxima - seu dever de casa, com ações realizadas no combate as queimadas e de olho no cumprimento da meta de desmatamento ilegal zero para os próximos anos. Além do trabalho que vem sendo realizado para acelerar as análises do Cadastro Ambiental Rural e na aquisição de sistema de monitoramento em tempo integral, o Imagens Planet, em parceria com o banco alemão KFW.

 

No entanto, para que estas ações casadas possam resultar em sucesso, há ainda necessidade de aportes maiores do que o Estado atualmente tem fôlego, precisando para isto de outros recursos e, assim, claro, os investimentos estrangeiros seriam muito bem vindos.

 

Diante desta premissa, Mendes questionou os embaixadores se eles pretendem aumentar os valores investidos nesse setor e também compensar os proprietários rurais para que eles também não desmatem as áreas permitidas. Ao lembrar que o 'estado estaria trabalhando muito e com metas audaciosas para manter a floresta em pé. Mas, o mundo precisará ajudar a compensar isso'.

 

No dia 27 de agosto, os governadores se reuniram com o presidente Jair Bolsonaro(PSL) para tratar do aumento do número de queimadas nas florestas da Amazônia. Durante a reunião, vários governadores do Consórcio Interestadual de Desenvolvimento Sustentável da Amazônia Legal reforçaram o discurso do governo federal sobre a política ambiental.

 

Já na reunião de hoje, os embaixadores deixaram claro que que vieram escutar dos gestores alguns compromissos mais pontuais, dentre eles envolvendo as populações indígenas, além do compromisso dos chefes de Estado quanto a zerar o desmatamento ilegal e ainda como mitigar a possibilidade de desmatamento mesmo que legal.

 

Ações pontuais em MT

 

O Governo de Mato Grosso tem feito um trabalho intenso para prevenir, fiscalizar e combater o desmatamento ilegal e os incêndios criminosos no Estado. Desde maio, as equipes de diversos órgãos (como a Sema e Sesp, por meio do Corpo de Bombeiros) tem atuado com ações preventivas, palestras orientativas e planejamento das ações em todas as regiões de Mato Grosso.

 

Para combater os incêndios, estão sendo usados 87 veículos, dois aviões, um helicóptero e 1.327 combatentes, se revezando entre 350 e 400 homens por dia. Também estão sendo deflagradas operações integradas de combate ao fogo e ao desmatamento ilegal. Também realizamos uma ação antecipada para evitar que as queimadas atinjam o nosso Pantanal.

 

Além disso, o monitoramento das queimadas e do desmatamento passou a ser feito quase que em tempo real com a aquisição da ferramenta Imagens Planet, que emite alertas ao Estado, indicando os locais exatos em que os eventos ocorrem a partir de 1 hectare de desmate.

 

O Governo ainda prorrogou o prazo de proibição de queimadas na zona rural e suspendeu novas autorizações para desmate, decretando também situação de emergência, de modo a dar mais agilidade no combate a estes crimes. Até o momento, durante o período proibitvo, já foram feitas 39 apreensões, oito conduções de infratores, 103 autos de infração e fiscalização de 104 pontos, com a autuação total de mais de 30,6 mil hectares. Além disso, foram aplicados mais de R$ 146 milhões em multas aos infratores.

 

Encontro

 

Junto com Mendes estão os governadores Waldez Góes[Amapá]; Helder Barbalho [Pará]; Mauro Carlesse[Tocantins]; Wilson Lima [Amazonas]; Antônio Denarium [Roraima]; Major Rocha[vice-governador do Acre]; Carlos Brandão [vice-governador do Maranhão] e Zé Jodan [vice-governador de Rondônia]. (Com Congresso em Foco/ Gabinete de Comunicação-MT) 

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

LEIA MAIS SOBRE ESTE ASSUNTO

CONFIRA TAMBÉM NESTA SEÇÃO:































VÍDEOS VEJA MAIS




icon COTAÇÕES MT
PLUMA DISPONÍVEL R$/@ 74,04
BOI GORDO À VISTA R$/@ 141,05
PREÇO DO SUÍNO VIVO R$/kg 3,74
MILHO DISPONÍVEL R$/sc 23,17
LEITE R$/l 1,09
VACA GORDA À VISTA R$/@ 132,07
SOJA DISPONÍVEL R$/sc 71,82
Fonte: Imea







logo O bom da notícia

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte;

Copyright © 2018 - O Bom da Notícia - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet