icon Domingo, 17 de Novembro de 2019

POLÍTICA - A | + A

'MAS DEBATE FICA PARA 2020' 05.11.2019 | 12h:30

Mendes reafirma candidatura própria na capital e classifica divergência com MDB 'como natural'

Por: Marisa Batalha/O Bom da Notícia

Reprodução/Web

Reprodução/Web

Nesta segunda-feira (04), o governador Mauro Mendes descartou quaisquer rusgas por conta do processo eleitoral com o MDB, em 2020, ao lembrar que o partido que fez parte da sua base de apoio nas últimas eleições, deverá caminhar também nas eleições municipais do ano que vem.

 

E mesmo que haja algumas divergências, por conta da decisão do DEM de ter candidatura própria na capital e, assim, possivelmente 'peitar' o prefeito Emanuel Pinheiro (MDB), em uma evental reeleição, o chefe do Exeutivo estadual observa estas possíveis divergências como natural, apontando que elas existem em qualquer âmbito. Mas que isto, de forma alguma arranharia a sua relação com a legenda, em particular no Legislativo que ajuda em sua governabilidade, quanto ao funcionamento no dia a dia na condução das coisas públicas.

 

Existem divergências naturais em qualquer âmbito. E como diz a deputada, poderemos estar juntos[DEM e MDB], em muitos municípios e separados em outros. Agora as eleições é um problema lá de 2020. Aqui na Assembleia Legislativa, o que me interessa enquanto governador é que possamos continuar a ter uma convivência harmônica, sabendo separar os temas eleitorais, dos temas estaduais

"É absolutamente normal. Existem divergências naturais em qualquer âmbito. E como diz a deputada, poderemos estar juntos[DEM e MDB], em muitos municípios e separados em outros. Agora as eleições é um problema lá de 2020. Aqui na Assembleia Legislativa, o que me interessa enquanto governador é que possamos continuar a ter uma convivência harmônica, sabendo separar os temas eleitorais, dos temas estaduais. E esse sim é o problema da Assembleia[...] Esse sim são os problemas que todos nós, na condição de Legislativo e Executivo temos que estar preocupados[...] As eleições de 2020 é um tema que será pautado e discutido, e que podemos manter as divergências eleitorais. Mas precisamos permanecer unidos pelos problemas e as soluções de Mato Grosso"

 

A declaração do governador foi dada na solenidade de lançamento da Guia de Trânsito Animal Eletrônica (e-GTA), no Palácio Paiaguás. Quando Mendes ainda assegurou que o Partido Democratas não deverá abrir mão de candidaturas para a Prefeitura de Cuiabá, Várzea Grande e Cáceres nas eleições municipais de 2020. E ainda que a reunião serviu para que seja construído o melhor cenário possível para as eleições do ano que vem, pontuando que dentro do partido existe “uma grande capacidade de diálogo para a construção deste cenário”.

 

A decisão foi retirada na semana passada, 31 de outubro, no Palácio Paiaguás, realizada no seu gabinete com a cúpula do democratas, quando teria saído a decisão, inicial, de candidatura própria nos dois pólos e na capital.

 

Mendes também já não esconde que estaria se aproximando o momento de começar a olhar para as eleições do próximo ano. “Estou no cargo através da política, do partido e pelo voto da maioria dos cidadãos. Temos como prioridade fazer gestão no Estado, mas como agente político estou olhando para 2020”.

 

A posição do governador democrata pode ser confirmada pela sua participação em eventos partidários ocorridos no final de outubro, quando ele realizou uma verdadeira via sacra nos atos políticos que foram realizados na capital, de 24 a 26.

 

Começando sua participação pelo encontro coordenado pelo vice-prefeito de Cuiabá, Niuan Ribeiro, do Podemos, na quinta-feira (24), em um espaço - Grande Oriente de Mato Grosso -, que ficou abarrotado de gente. Com a presença do deputado federal José Medeiros e da senadora Selma Arruda, Mauro mesmo sem fazer uma declaração clara de apoio ao vice de Emanuel Pinheiro(DEM), não mediu elogios, entretanto, ao ato político da legenda pela indignação com a atual gestão e por já lançar Niuan como alternativa para a Prefeitura de Cuiabá.

No sábado(26), o chefe do Executivo estadual participou da convenção estadual do PDT em Cuiabá, para prestigiar seu secretário de Estado de Cultura, Allan Kardec, oficializado presidente da sigla em Mato Grosso.

 

Em seguida,o governador democrata foi recebido pelo presidente nacional do PDT, Carlos Lupi, que agradeceu por ele[Mauro] ter livrado o Estado de um ‘salafrário’, que deixou Mato Grosso afundado em dívidas, ao se referir ao seu antecessor, o ex-governador tucano Pedro Taques que, em 2014, ganhou as eleições filiado ao PDT, mas no ano seguinte migrou para o PSDB.

 

E em todos fez questão de pontuar sobre os novos tempos políticos, onde não se admite mais a mentira nem, tampouco, se aceita políticos de "falas fáceis, mas que não entregam resultados. Que promete tudo, mas depois não devolve verdadeiramente aquilo que o cidadão precisa".

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

CONFIRA TAMBÉM NESTA SEÇÃO:































INFORME PUBLICITÁRIO


INFORME PUBLICITÁRIO





icon COTAÇÕES MT
BOI GORDO À VISTA R$/@ 141,05
VACA GORDA À VISTA R$/@ 132,07
PLUMA DISPONÍVEL R$/@ 74,04
LEITE R$/l 1,09
PREÇO DO SUÍNO VIVO R$/kg 3,74
MILHO DISPONÍVEL R$/sc 23,17
SOJA DISPONÍVEL R$/sc 71,82
Fonte: Imea







logo O bom da notícia

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte;

Copyright © 2018 - O Bom da Notícia - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet