icon Segunda-feira, 19 de Agosto de 2019

POLÍTICA - A | + A

ELEIÇÕES MUNICIPAIS 16.07.2019 | 07h:55

Rosa Neide cita Ludio e Verinha como possíveis nomes do PT para 2020

Por: Alexandra Freire e Rafael Medeiros

Vinicius Loures/Câmara dos Deputados

Rosa Neide

 

A deputada federal por Mato Grosso, Rosa Neide, uma das principais liderança do Partido dos Trabalhadores (PT), no Estado, apesar de afirmar que ainda é muito cedo para discutir as eleições municipais de 2020, afirma que o deputado estadual Lúdio Cabral e a da ex-deputada Verinha Araújo são nomes que podem disputar a corrida ao Alencastro.

 

A declaração foi dada na tarde desta segunda-feira (15), durante coletiva de imprensa concedida pela coordenadora do Núcleo de Defesa da Mulher, defensora pública Rosana Leite, que falou sobre o fato de ter sido destratada e expulsa de uma audiência em que acompanhava uma vítima de violência.

 

“No Estado inteiro nós já estamos discutindo. Nós fizemos uma reunião em cada polo, fomos em 10 polos. O deputado Ludio e Valdir Barranco também, e a gente está conversando em todos os municípios. Agora, essa questão das candidaturas estamos ainda fazendo as composições, até por que para vereador será agora chapa única e pura de cada partido, mas para prefeito a gente está discutindo com os partidos, para vermos se conseguimos alianças, em cada comunidade em cada localidade para gente ter o maior número de candidatura ou de candidaturas apoiada pelo PT. Tem muitos nomes; em Cuiabá tem o deputado Lúdio, há ainda a ex-deputada Verinha, mas a gente está discutindo com os outros partidos também”, disse Rosa Neide.

 

Recentemente, Lúdio afirmou que não tem intenção de concorrer ao comando da Prefeitura de Cuiabá, nas eleições de 2020. Diante da falta de nomes que tenham representatividade política na Capital, o nome do petista tem sido cogitado pelos partidos de centro-esquerda nos últimos dias.

 

Após ser vereador de Cuiabá por dois mandatos, Lúdio acumula derrotas nas eleições nestess últimos nove anos. Em 2010, ele disputou o comando do Palácio Alencastro, mas conseguiu acumular 131 mil votos, ficando em segundo lugar, perdendo para Mauro Mendes (DEM). Quatro anos depois, ele não conseguiu vencer a disputa ao governo ficando atrás de Pedro Taques (PSDB). Ele foi eleito no ano passado para deputado estadual com 22 mil votos, sendo que 12 mil foram de Cuiabá.

 

Tem muitos nomes. Em Cuiabá, o próprio deputado Lúdio é um nome, a deputada Verinha é outro bom nome, mas a gente está discutindo com os outros partidos também

Verinha já integrou a diretoria do Sindicato dos Trabalhadores no Ensino Público (Sintep) nos anos 80 e 90. Já foi vereadora por Cuiabá e deputada estadual. Quando deputada fez críticas ferrenhas a administração do ex-governador Blairo Maggi (PP) por conta do empresário não apresentar programas para população mais pobres.

 

Corrida eleitoral

 

As eleições municipais de 2020 já têm alguns nomes ventilados nos corredores políticos, como a reeleição do Emanuel Pinheiro (MDB). Corre ainda por fora pelo MDB, o deputado federal Valtenir Pereira, que busca espaço interno na legenda para realizar seu sonho de disputar a prefeitura da capital. Enquanto isto segue disparando críticas à gestão de Pinheiro.

 

O vice-prefeito de Cuiabá Niuan Ribeiro (PSD) também chegou a revelar há algum tempo que, igualmente, não descarta esta possibilidade de concorrer ao Palácio Alencastro, após determinação do PSD de lançar nomes à eleição 2020 para majoritária em cidades com mais de 100 mil eleitores.

 

Outros nomes que vêm surgindo no cenário eleitoral para a disputa pela Prefeitura de Cuiabá são a do ex-deputado federal e suplente de senador Fábio Garcia (DEM), o secretário estadual de Saúde Gilberto Figueiredo (PSB), que é vereador licenciado da Capital e ainda o chefe da Casa Civil Mauro Carvalho (PR).

 

Também vem sendo defendido pelos democratas o nome do presidente da Assembleia Legislativa, Eduardo Botelho (DEM) que, recentemente, descartou, contudo, a possibilidade de uma candidatura; seja na disputa pela prefeitura da capital ou a de Várzea Grande.

 

E ganha força nos bastidores o nome do ex-prefeito Roberto França que apresenta o programa Resumo do Dia. Ele vem sendo assediado pelos deputados tucanos, Wilson Santos e Carlos Avalone para se filiar ao PDSB como forma de representar a sigla na corrida pelo Palácio Alencastro.

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

LEIA MAIS SOBRE ESTE ASSUNTO

CONFIRA TAMBÉM NESTA SEÇÃO:































PROGRAMA TRIBUNA VEJA MAIS

O Bom da Notícia Programa Tribuna - 16/07/2019

INFORME PUBLICITÁRIO


INFORME PUBLICITÁRIO





icon COTAÇÕES MT
Soja Disponível R$/sc 57,00
Algodão R$/@ 90,09
Boi a Vista R$/@ 135,00
Milho Disponível R$/sc 21,70
Fonte: Imea







logo O bom da notícia

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte;

Copyright © 2018 - O Bom da Notícia - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet