icon Quinta-feira, 21 de Março de 2019

POLÍTICA - A | + A

NAS ESCOLAS 26.02.2019 | 15h:09

Senadora faz enquete de tentativa do MEC em obrigar hino e slogan em escolas

Por: Ana Adélia Jácomo/ Da Redação

Reprodução/Web

Reprodução/Web

Mesmo vivendo um momento delicado com o pedido de cassação do seu mandato, a senadora Selma Arruda (PSL) se silencia diante da polêmica e mantém sua agenda no Congresso nacional, de olho em reuniões no Palácio do Planalto com o presidente Jair Bolsonaro, do seu partido.

 

Usando seu Instagram nesta terça-feira (26), a senadora propôs uma enquete, questionando a opinião social sobre tentativa do Ministério da Educação (MEC), que mandou nesta segunda-feira (25) para todas as escolas do País, um email pedindo que as crianças sejam perfiladas para cantar o hino nacional e que o momento seja gravado em vídeo e enviado para o governo federal. Após polêmica, o ministro da Educação, Ricardo Vélez Rodríguez, disse que vai rever a orientação enviada para as escolas.

 

O e-mail pede ainda que seja lida para elas uma carta do ministro Ricardo Vélez Rodríguez [colombiano, naturalizado brasileiro], que termina com o slogan da campanha de Jair Bolsonaro: “Brasil acima de tudo. Deus acima de todos.” “Pessoal, qual a opinião de vocês”, disse Selma, com as hastags #patriotas, #brasil.

 

 

“"A ação pode caracterizar improbidade administrativa, já que há promoção pessoal de agentes públicos

Alguns internautas questionam o fato do slogan de campanha do presidente ser utilizado em ambiente escolar, o que pode caracterizar improbidade administrativa, já que caracteriza promoção pessoal de agentes públicos. 

 

“O hino sim, filmado não”.

 

“O problema foi o slogan de campanha. A escola pública deve ser laica. O hino acho corretíssimo”

 

“É desnecessário e contra a legislação”, dizia alguns comentários no post da senadora.  

 

O email enviado às escolas afirma devem estar perfilados para execução do hino nacional as crianças, professores e demais funcionários das escolas.  

 

“Prezados Diretores, pedimos que, no primeiro dia da volta às aulas, seja lida a carta que segue em anexo nesta mensagem, de autoria do Ministro da Educação, Professor Ricardo Vélez Rodríguez, para professores, alunos e demais funcionários da escola, com todos perfilados diante da bandeira do Brasil (se houver) e que seja executado o hino nacional”, diz o texto. 

 

PROBLEMAS JUDICIAIS 

 

O Ministério Público Eleitoral, por meio da Procuradoria Regional Eleitoral (PRE), pediu a cassação. Conforme o órgão, houve arrecadação e gastos ilícitos de recursos e abuso de poder econômico durante a campanha da ex-juíza.

 

VEJA O POST DA SENADORA:

Insta

 

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

LEIA MAIS SOBRE ESTE ASSUNTO

CONFIRA TAMBÉM NESTA SEÇÃO:





















PROGRAMA TRIBUNA VEJA MAIS

Programa Tribuna (21/03) AO VIVO

INFORME PUBLICITÁRIO


INFORME PUBLICITÁRIO


INFORME PUBLICITÁRIO




icon COTAÇÕES MT
Algodão R$/@ 90,09
Soja Disponível R$/sc 57,00
Milho Disponível R$/sc 21,70
Boi a Vista R$/@ 135,00
Fonte: Imea







logo O bom da notícia

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte;

Copyright © 2018 - O Bom da Notícia - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet