icon Domingo, 15 de Setembro de 2019

POLÍTICA - A | + A

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA 23.05.2019 | 18h:50

Ulysses Moraes economizará R$ 1,43 milhão com renúncia de 50% da VI

Por: O Bom da Notícia

(Foto: Reprodução)

Deputado Ulysses 2.jpg

 

A renúncia de 50% da verba indenizatória a qual teria direito o deputado estadual Ulysses Moraes (DC), resultará em uma economia de no mínimo R$ 1,43 milhão nos quatro anos de mantado do parlamentar na Assembleia Legislativa de Mato Grosso. A Casa arquivou, na sessão da manhã desta quarta-feira (22), o Projeto de Lei 72/2019, que previa a redução pela metade do benefício ao qual os deputados estaduais têm direito.

 

Um parecer contrário da Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJR) reprovou a proposição, que foi arquivada pela Casa. Mesmo com a derrota, o parlamentar anunciou que abre mão de metade dos valores aos quais teria direito, como previa o texto. Ulysses Moraes afirmou que o substitutivo integral desconfigura totalmente sua proposição. Com a renúncia, anunciada em Plenário e válida até o final de seu mandato, o deputado será responsável por uma economia de R$ 1,43 milhão, no mínimo, aos cofres da ALMT.

 

“Analisando este substitutivo que permite que os deputados poderão renunciar em todo ou em parte a sua verba indenizatória, cumpro minha palavra, minha proposta de campanha e renuncio de ofício a 50% da minha verba indenizatória, assim como estava proposta. Saio daqui triste, mas com a convicção de que lutei o bom combate”, afirmou.

 

Ulysses Moraes foi o único parlamentar a afirmar, em plenário, que abrirá mão de valores referentes à sua verba indenizatória até o final de seu mandato. O deputado lamentou o arquivamento da proposição e afirmou que a medida seria responsável por uma economia milionária aos cofres públicos, que poderiam ser investidos em outros setores.

 

“Eu fico triste. Acredito que sofremos uma derrota na comissão. Esse substitutivo desconfigura totalmente o projeto original, que visava ter uma redução de todos os parlamentares. Ia gerar uma economia de R$ 57 milhões, em quatro anos, que poderia ser aplicado na Saúde, na Educação, na Segurança”, afirmou Ulysses.

 

O substitutivo do projeto que alterava a proposta do deputado, foi aprovado na Comissão de Fiscalização e Acompanhamento da Execução Orçamentária (CFAEO). Em seguida, ele foi votado em plenário, em primeira votação, onde teve os votos contrários de Ulysses Moraes, Faissal Kalil (PV) e Sílvio Fávero (PSL). Em seguida, ele teve parecer contrário da CCJR, voltando a ser apreciado pelo Plenário, em segunda votação, onde foi arquivado pela Casa.

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

CONFIRA TAMBÉM NESTA SEÇÃO:































VÍDEOS VEJA MAIS

INFORME PUBLICITÁRIO





icon COTAÇÕES MT
PREÇO DO SUÍNO VIVO R$/kg 3,74
BOI GORDO À VISTA R$/@ 141,05
PLUMA DISPONÍVEL R$/@ 74,04
SOJA DISPONÍVEL R$/sc 71,82
MILHO DISPONÍVEL R$/sc 23,17
LEITE R$/l 1,09
VACA GORDA À VISTA R$/@ 132,07
Fonte: Imea







logo O bom da notícia

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte;

Copyright © 2018 - O Bom da Notícia - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet