icon Terça-feira, 28 de Janeiro de 2020

VARIEDADES - A | + A

11.12.2019 | 06h:41

30 anos a mais: mulher realiza sonho de casar e ser mãe ao lado de sugar daddy

Por: IG Delas

Aos 31 anos de idade, Ana Carolina F.* está realizando dois sonhos: ser casada e mãe. A realidade da designer de jóias mudou completamente depois que ela conheceu o marido, através do site de relacionamento sugar "Meu Patrocínio". Sendo 30 anos mais nova do que o parceiro, ela não tem receios de assumir que ele é um sugar daddy.

Leia também: Presentes caros, viagens, mimos e sexo: saiba como é um relacionamento sugar

casal de mãos dadas arrow-options
shutterstock
Ana Carolina encontrou no sugar daddy uma chance de ter um relacionamento com estabilidade financeira e emocional

Antes de se relacionar com o sugar daddy e se tornar oficialmente uma  sugar baby  , Ana estava em outro relaciomento. Mesmo apaixonada pelo parceiro, ela afirma que queria que os objetivos dos dois estivessem claros e alinhados, principalmente sobre o futuro juntos. 

"Então, aos 27 anos, terminei um longo relacionamento que deixou muitas marcas emocionais e frustações. Apesar de estar apaixonada pelo meu namorado, não via futuro e nem interesse da parte dele em assumir um compromisso", relata.

"A insegurança era um sentimento que me dominava e, muitas vezes, imobilizava. Longe de ser saudável, eu estava dependente de uma paixão, vivia em função dele e não era valorizada. Ele mantinha outras relações esporádicas em paralelo e isso me machucava muito. Via as minhas amigas casando, formando família e eu estava sem perspectivas, deprimida." 

Leia também: De R$ 1200 por date a casamento: jovem conta como suggar daddy virou marido

Site de relacionamento e encontro com sugar daddy

Foi então que ela leu uma reportagem sobre relacionamento sugar e começou a "avaliar os prós e contras" de um parceiro mais velho. "Cansada de tudo que estava vivendo, decidi mudar de vida. Achei que, tendo a oportunidade de conhecer um homem maduro, encontraria a estabilidade emocional e financeira que tanto desejava", conta Ana.

Após terminar o namoro, ela entrou no site de relacionamento e começou a procurar daddies que se encaixavam no perfil que ela queria, deixando claro que estava em busca de uma relação duradoura e não pretendia se comprometer com homens que tivessem outras parceiras. 

Foi assim que ela conheceu Carlos, um empresário, 30 anos mais velho do que ela. No primeiro encontro, uma decepção: ele revelou que ainda era casado, mas que pretendia se separar. Não era o que Ana queria e, mesmo deixando isso claro, ele continuou procurando por ela durante os meses seguintes. Os dois saíram para jantar algumas vezes, mas ela não queria ser a terceira pessoa na relação, mesmo sentindo uma conexão forte entre os dois. 

Seis meses depois, o empresário voltou a procurá-la. Ele havia se separado da esposa e afirmou que queria ter algo sério com Ana. De acordo com ela, ele era o tipo de homem que podia ser classificado como "perfeito": dedicado, atencioso, experiente, culto, uma companhia agradável e que, principalmente, não media esforços para satisfazer os seus desejos.

Leia também: Sexo na 1ª noite? Nada disso! "Amante em série" ensina a seduzir homem rico

Namoro, casamento e família

Depois de seis meses de namoro, veio o pedido de casamento. A cerimônia foi só para a família e amigos mais próximos, mas foi especial o bastante para marcar a realização do sonho de se casar. Agora, os dois estão à espera da primeira filha. 

"Não vou mentir e dizer que estou apaixonada. Esse sentimento não me traz boas lembranças. Gosto muito do meu marido, ele é companheiro e me sinto confortável e segura. Para mim, é o mais importante. Ele me incentiva a realizar meus planos, não deixei de estudar e aprender coisas novas. Fiz um curso de designer de joias e hoje tenho o meu próprio atelier", diz.

Segundo ela, nem tudo foi fácil. Os filhos de Carlos, fruto do primeiro casamento, não aceitaram o relacionamento logo de início, mas "tudo foi se ajeitando". "No ano passado, depois de muita conversa, ele topou reverter a vasectomia e consegui engravidar, outro sonho meu. Nossa bebê vai nascer em fevereiro de 2020."

"Estou muito feliz e não me arrependo nada de ter tomado a decisão mais certa da minha vida ao optar por um relacionamento sugar. De forma bem objetiva, encontrei o que pretendia. Não me importo com os preconceitos que as pessoas têm com relação às figuras de uma baby em busca de um sugar daddy ", finaliza.

*O nome da personagem não foi divulgado a fim de manter a privacidade da entrevistada. 



Fonte: IG Delas
VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

CONFIRA TAMBÉM NESTA SEÇÃO:































INFORME PUBLICITÁRIO





icon COTAÇÕES MT
MILHO DISPONÍVEL R$/sc 29,90
LEITE R$/l 1,08
SOJA DISPONÍVEL R$/sc 78,75
PREÇO DO SUÍNO VIVO R$/kg 4,62
PLUMA DISPONÍVEL R$/@ 79,87
VACA GORDA À VISTA R$/@ 182,28
BOI GORDO À VISTA R$/@ 195,11
Fonte: Imea







logo O bom da notícia

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte;

Copyright © 2018 - O Bom da Notícia - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet