Sexta-feira, 12 de Julho de 2024

AUTOMÓVEIS Quarta-feira, 01 de Março de 2023, 12:03 - A | A

Quarta-feira, 01 de Março de 2023, 12h:03 - A | A

Adam Levine, do Maroon 5, acusa vendedor de ter vendido Maserati falso

Carros

Porsche 356 é um dos veículos que já passaram pela coleção do vocalista do Maroon 5
Reprodução/Instagram

Porsche 356 é um dos veículos que já passaram pela coleção do vocalista do Maroon 5

O mercado de carros antigos e clássicos atrai gente de diversos tipos, de anônimos a famosos. Adam Levine , vocalista da banda Maroon 5 é conhecido por gostar desse tipo de veículos, já tendo em sua coleção Porsche 356 e Mercedes 300SL , a lendária asa de gaivota. 

Um dos veículos do cantor é um Maserati Ghibli 4.9 Spyder , avaliado em cerca de 850 mil dólares. Para conseguir o esportivo italiano, que teve apenas 45 unidades fabricadas, o cantor trocou duas Ferraris: 365 GTC/4 de 1972 e 365 GTC de 1968, e além do Maserati , recebeu 100 mil dólares em dinheiro.

Segundo informações do Los Angeles Times , Levine está processando o vendedor de carros clássicos Rick Cole por ter falsificado a documentação do Maserati. No processo, o cantor pede para que o negócio realizado em 2020 seja desfeito ou então, que o vendedor pague 850 mil dólares , o valor das Ferraris negociadas. 

Segundo o processo, Levine afirma que o número de chassi do veículo , a placa de fabricação e algumas peças não são originais. A equipe jurídica do cantor alega que o veículo original está na Europa, e o Maserati de Levine é falso, com as alterações sendo feitas pelo vendedor para que o veículo se passasse pelo original.

O número do chassi do carro do cantor é finalizado em “1241”, porém, há outro veículo com o mesmo número de chassi, só que está localizado na Suíça e é de propriedade de Clive Joy, um colecionador britânico.  

Maserati Ghibli Spyder é raríssimo, e Levine pode ter um chassis coupé que foi convertido para spyder
Divulgação

Maserati Ghibli Spyder é raríssimo, e Levine pode ter um chassis coupé que foi convertido para spyder

Levine apresenta provas de que o veículo em sua posse é o carro falso, e já foi tirado de um leilão em 2015 após sua autenticidade ter sido questionada. Na época, os especialistas alegaram que a tipografia utilizada nos emblemas do veículo não eram utilizados pela Maserati em 1971.

"Alguém tentou fazer o veículo parecer autêntico ao reproduzir emblemas e uma nova placa de chassi com uma fonte similar a utilizada pela Maserati na época, em uma tentativa óbvia de convencer o comprador em potencial que o veículo era o #1241.” Afirmam os advogados de Levine no processo.

Segundo os advogados do cantor, ele foi desencorajado a vender o carro diversas vezes pelo próprio Cole, o que reforça a ideia de que o veículo é falso e quem o vendeu não queria que sua farsa fosse descoberta.

Os advogados de Levine afirmam que o cantor não é profissional no ramo de negociação de carros antigos, e logo, dependia dos conselhos de Cole , que agora responde por deturpação, quebra de contrato e ocultação fraudulenta.

No website de Cole, era informado que o vendedor já havia realizado negociações com Frank Sinatra , Jay Leno , Robin Williams e o próprio Adam Levine.

O Maserati Ghibli está atualmente em sua terceira geração, mas o modelo comprado por Levine era da primeira, que foi fabricado entre 1967 e 1973. Seu design é assinado por Giorgetto Giugiaro .

O modelo foi equipado com motores V8 de 4.7 litros que gerava 310 cv de potência. Em 1969 chegou ao mercado a versão SS, que teve o V8 aprimorado para 4.9 litros e passou a oferecer 335 cv.

Segundo a casa de leilões automotivos RM Sotheby’s , com confirmação da Maserati Classiche , divisão de veículos clássicos da marca, somente 45 unidades do Ghibli Spider foram produzidas com o motor 4.9. No total, foram fabricadas 1.195 unidades do esportivo.

Fonte: IG CARROS