Quarta-feira, 24 de Julho de 2024

CIDADES Sábado, 23 de Setembro de 2023, 09:20 - A | A

Sábado, 23 de Setembro de 2023, 09h:20 - A | A

CAST DO BOM

"Não estamos na Terra pela primeira vez, mas há milhares de anos", diz espírita ao explicar a reencarnação

Evelyn Siqueira/ O Bom da Notícia

A vice-presidente e coordenadora geral e administrativa da Federação Espírita de Mato Grosso, Valéria Lima, explicou durante entrevista ao Cast do Bom do portal O Bom da Notícia, nesta última quinta-feira (21), como se dá o processo de evolução durante a reencarnação espiritual.

Enfatizando durante o bate-papo com a jornalista Marisa Batalha que comanda o Cast e é editora-chefe do O Bom da Notícia, que ‘não existe injustiça no universo, mas pessoas que praticam a injustiça’. E que dentro desta roda da vida tudo faz parte de um ‘encadeamento para o processo do bem espiritual’.

“Nós não somos alguém que está na Terra pela primeira vez, somos espíritos que estamos aqui há milhares de anos. E a reencarnação é a grande explicação desta chave, pois, não existe injustiça no universo, mas sim pessoas que praticam a injustiça. No sentido deles atuarem em um comportamento equivocado. Porém, sob o ponto de vista divino, tudo está em um encadeamento, para a construção de um processo do bem espiritual. Muitas vezes se a gente olhar apenas sob o ponto de vista desta encarnação, diante de tantos desafios, poderia até parecer que Deus estaria passeando nas Bahamas”, disse

Durante a entrevista, Valéria ainda ressaltou que todos estamos sujeitos a errar, e que apesar de ser uma experiência dolorosa, ela é extremamente importante para a nossa ‘caminhada evolutiva’.

“Todos nós estamos sujeitos ao erro! Esta é uma experiência dolorosa, porque a dor é irmã da nossa caminhada evolutiva, pois a dor nos dá condição de ficarmos extremamente focado naquela necessidade de evolução. Muitas vezes quando o espírito tem muitas facilidades do ponto de vista material, da existência confortável, de uma condição financeira muito favorável, ele tem mais tendência de se denegrir no processo reencarnatório e se desliga da necessidade primordial que é a evolução moral”, explicou

Valéria Lima é advogada, coach, professora, empresária e responsável pela organização 7º Congresso Espírita de Mato Grosso que irá ocorrer 30 de maio a 2 de junho de 2024. E estarão dentre os palestrantes confirmados para o evento Divaldo Franco, Rossandro Klinjey, Alberto Almeida, Geraldo Campetti, Gustavo Silveira, Jacobson Trovão, Jorge Godinho, Sandra Borba e Vitor Hugo.

Realizado desde 1996, o Congresso Espírita de Mato Grosso é o maior evento sobre o assunto no Estado e reúne expositores espíritas de todo o país, para uma programação repleta de reflexões, convivência e aprendizado. A estimativa de público e de cerca de 1500 participantes.

Veja a entrevista completa