Terça-feira, 28 de Maio de 2024

POLÍCIA Sábado, 27 de Janeiro de 2024, 16:05 - A | A

Sábado, 27 de Janeiro de 2024, 16h:05 - A | A

POLÍCIA CIVIL

Autor de tentativa de homicídio em Confresa é preso

O Bom da Notícia/ com assessoria

O autor de uma tentativa de homicídio ocorrido no município de Confresa, foi preso pela Polícia Civil, na tarde de sexta-feira (26.01), em ação para cumprimento de mandados judiciais.

O suspeito de 19 anos teve a prisão temporária e a ordem de busca e apreensão domiciliar, decretadas pela Justiça, após investigação da Delegacia de Confresa, para esclarecer o crime contra um jovem de 21 anos, no último sábado (20.01), em frente à Escola Municipal Central.

Logo que acionados para atender a ocorrência, os policiais civis passaram a diligenciar de forma ininterrupta e identificaram o responsável pela tentativa de homicídio.
 
Diante dos indícios e evidências de autoria, a Polícia Civil representou pelo pedido de prisão temporária do investigado e pela busca e apreensão domiciliar, deferidos pelo Poder Judiciário.

Com as ordens judiciais, a equipe passou a monitorar os endereços do mesmo, quando no final da tarde de sexta-feira (26), foi avistado o momento em que ele se deslocava da chácara de seus familiares na zona rural.


Ao ser abordado e colaborando com o trabalho policial, o rapaz contou que tentou contra a vida da vítima, pois ela teria envolvimento em um golpe que ele sofreu ao comprar uma motocicleta via intermediador no mês de julho de 2023.

Ato contínuo os policiais civis localizaram a motocicleta e as vestes usadas no crime, que foram incendiadas pelo suspeito. Ele também relatou que jogou dentro do rio a arma de fogo usada na ocasião.

Com base nas informações e para encontrar a suposta arma, foi acionada a equipe de mergulhadores do Corpo de Bombeiros Militar, a qual procedeu com as buscas na água, porém sem êxito na apreensão do objeto.

Em continuidade, na manhã deste sábado (27), foi dado cumprimento às buscas domiciliares, e apreendida na casa do suspeito a moto Honda CB 300, da cor vermelha, utilizada por ele durante o planejamento e levantamento momentos antes do crime.

O preso foi interrogado pelo delegado Mauro Apoitia, e após as providências em cumprimento a prisão temporária, foi encaminhado para a Cadeia Pública de Porto Alegre do Norte, onde ficará à disposição da Justiça.