Quarta-feira, 17 de Julho de 2024

POLÍCIA Sábado, 10 de Junho de 2023, 15:13 - A | A

Sábado, 10 de Junho de 2023, 15h:13 - A | A

AÇÃO RÁPIDA

Cinco pessoas são presas por tortura e matar adolescentes em Cáceres

O Bom da Notícia/ com assessoria

Policiais militares do 6º Comando Regional prenderam em flagrante três homens e apreenderam dois menores, pelos crimes de sequestro, tortura e homicídio doloso que vitimaram dois adolescentes, na tarde desta sexta-feira (09.06), em Cáceres. Na ação, armas de fogo, munições e um veículo adulterado foram apreendidos.

Por volta de 15h, a equipe do 6º Batalhão recebeu informações sobre o sequestro de duas pessoas, no bairro Massabarro. Segundo as denúncias, os criminosos estavam armados e teriam fugido em um veículo Ford Fiesta. De imediato, os policiais militares foram ao endereço e obtiveram imagens de câmeras de segurança, que flagraram a ação e a direção da fuga dos suspeitos. 

Em diligências, a PM encontrou um veículo com as mesmas características do crime e deu ordens de parada, que foram desobedecidas. Durante acompanhamento, os suspeitos efetuaram disparos de arma de fogo contra os policiais, que revidaram a ação e atingiram os pneus do Ford Fiesta, forçando os criminosos a cessarem a fuga, após sofrerem um acidente no meio fio de uma calçada.

Na abordagem a todos os suspeitos que ocupavam o carro, os policiais militares encontraram uma pistola calibre .9mm e um revólver calibre .38, ambas as armas estavam carregadas com munições. 

Neste momento, um dos suspeitos disse que estava sendo sequestrado pela quadrilha e forçado a indicar endereços de integrantes de facções rivais para serem executados por eles. O menor também afirmou que dois adolescentes teriam sido levados para uma casa e teriam sido mortos a tiros pela quadrilha.

Questionado sobre a localização da casa, o menor acompanhou os policiais até um imóvel, no bairro Cavalhada III. Na residência, os militares encontraram as duas vítimas, identificadas como Mariana Leite Rodrigues, de 15 anos, e João Pedro Ribeiro da Silva,de 16 anos, mortas com sinais de crueldade e aparentemente com os corpos parcialmente carbonizados. 

A cena do crime foi isolada e agentes da Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) e Polícia Judiciária Civil iniciaram os trabalhos de investigação. 

Os suspeitos receberam voz de prisão em flagrante e foram encaminhados para o Cisc de Cáceres, para registro da ocorrência e demais providências. No local, foi verificado que o veículo utilizado pela quadrilha era produto de crime e com sinais de adulteração. Além disso, foi identificado e cumprido um mandado de prisão contra um dos suspeitos.

Disque-denúncia 

A sociedade pode contribuir com as ações da Polícia Militar de qualquer cidade do Estado, sem precisar se identificar, por meio do 190, ou disque-denúncia 0800.065.3939.