Domingo, 14 de Julho de 2024

POLÍTICA NACIONAL Quarta-feira, 17 de Maio de 2023, 19:03 - A | A

Quarta-feira, 17 de Maio de 2023, 19h:03 - A | A

Aprovado indicado para missão na Santa Sé

Agência Senado

A indicação do diplomata Everton Vieira Vargas para o cargo de embaixador do Brasil junto à Santa Sé e, cumulativamente, junto à Ordem Soberana e Militar de Malta foi aprovada pelo Plenário, nesta quarta-feira (17). A mensagem de indicação (MSF 10/2023) obteve 41 votos favoráveis e 2 contrários. Houve 1 abstenção.

A indicação passou antes pela Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional (CRE). Na reunião do dia 11, a relatora da MSF 10, senadora Tereza Cristina (PP-MS), lembrou que o Brasil e a Santa Sé mantêm relações diplomáticas desde 1826. Conforme a senadora, a Igreja Católica é a única igreja do mundo com acesso diplomático. Ela lembrou que o Brasil continua sendo o país com o maior número de católicos do mundo.

A Santa Sé é a sede da Igreja Católica Romana. A Ordem Soberana Militar e Hospitalar de São João de Jerusalém, de Rodes e de Malta é uma ordem religiosa católica que recebe o tratamento equiparado ao de Estado.

Carreira

Natural de Santo Ângelo (RS), Everton Vieira Vargas tem 68 anos. É formado em direito pela Associação de Ensino Unificado do Distrito Federal em 1977 e obteve o título de Master of Arts in International Relations pela Universidade de Boston, em 1983. É doutor em sociologia pela Universidade de Brasília (UnB).

Vargas começou a carreira diplomática em 1976 e ocupou diversos cargos no Ministério das Relações Exteriores, entre os quais se destaca o de diretor-geral do Departamento de Meio Ambiente e Temas Especiais. Foi embaixador do Brasil em Berlim (Alemanha) de 2009 a 2013; em Buenos Aires (Argentina) de 2013 a 2016; e em Bruxelas (Bélgica), onde atuou como representante do Brasil junto à União Europeia, de 2016 a 2019.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

Fonte: Agência Senado