Quarta-feira, 29 de Maio de 2024

POLÍTICA Sábado, 26 de Novembro de 2022, 14:40 - A | A

Sábado, 26 de Novembro de 2022, 14h:40 - A | A

HOSPEDAGEM

Atuação de Max Russi amplia atendimento gratuito de pacientes em Casa de Apoio

Da redação do Bom da Notícia\ com assessoria

 

Agora de utilidade pública, a Casa de Apoio Vinde - Hospedaria Rotativa aumentou sua capacidade de atendimento, a partir da atuação do deputado estadual Max Russi (PSB). A nova sede, em Cuiabá, foi inaugurada neste sábado (26) e também contou com a presença do desembargador Marco Machado e da prefeita de Jaciara, Andréia Wagner (PSB).

Com sete anos de funcionamento, o projeto que antes atendia apenas 18 pessoas diariamente, agora conta com 36 vagas disponibilizadas de forma gratuita.

O coordenador da associação filantrópica, Vicente Lenilson Araujo da Silva, atribui o crescimento da entidade aos efeitos da lei nº 10.775, de autoria do primeiro-secretário da Assembleia Legislativa, que declara de utilidade pública a hospedaria, dando base legal para a formalização de convênios e recebimento de recursos de organismos estaduais da administração pública.

Ele explica que o trabalho da casa de apoio é uma importante ferramenta social, disponibilizando hospedagem a acompanhantes de pacientes que vêm do interior do Estado para tratamento de saúde ou exames rotineiros de baixa complexidade, e não possuem condições de subsidiar as despesas em hotéis tradicionais.

“O deputado Max foi de suma importância para a nossa casa de apoio. Nós só tínhamos a regularização normal, que é o cnpj, toda a parte burocrática básica. E o Max nos deu a utilidade pública, isso abriu uma porta muito grande e assim conseguimos recursos que não tinham como chegar. E ele nos abriu essa porta, fora outras bases que ele tem nos ajudado muito. Ele é uma pessoa que nos ajuda muito com todo o seu apoio social. Não só nós, mas outras entidades também”, ressaltou.

Para o deputado Max Russi, hoje foi um dia de felicidade e realização. “ Hoje é um dia bastante feliz e me sinto grato em poder contribuir e fazer parte dessa nova história da casa da apoio, que presta um serviço social de forma voluntária a pessoas que precisam desse suporte, sendo assim, merece receber benefícios em termos de impostos e outras benfeitorias objetivando o fortalecimento desse serviço”, avalia.

ATENDIMENTO- De acordo com Vicente Araujo, toda a triagem de pessoas atendidas é feita através de um contato com outras casas de apoio, espalhadas pelo Estado, com a participação ativa de assistentes sociais e regulação do Sistema Único de Saúde (SUS).

“Somos registrados na associação das casas de apoio de Cuiabá e de todos municípios. Todos os assistentes sociais do interior do Estado tem que entrar em contato conosco, preenche-se uma ficha de quem vai tratar e de quem vai acompanhar, tudo regulado pelo SUS. Eles ficam o tempo necessário e não tem custo nenhum. Tudo gratuito”, explicou.

A Casa de Apoio Vinde conta com doações e a hospedagem de pacientes em tratamentos de média e alta complexidade não é possível, uma vez que a estrutura não possui enfermeiros e médicos colaboradores.

São fornecidos esporadicamente almoço e jantar por meio de ações realizadas pela associação, além da promoção de assistência social às minorias, desenvolvimento econômico e combate à pobreza, ética, paz, direitos humanos e democracia, bem como outros valores universais.

O atendimento de alimentação, descanso e pernoite é voltado a todos os públicos, desde crianças, adolescentes, jovens, adultos, idosos, deficientes e acompanhantes. O objetivo é priorizar pessoas em situação de maior vulnerabilidade de saúde e social.