Sábado, 20 de Julho de 2024

POLÍTICA Quinta-feira, 27 de Abril de 2023, 11:40 - A | A

Quinta-feira, 27 de Abril de 2023, 11h:40 - A | A

'POR ATO DE BRAVURA'

Deputado solicita promoção de PMs que enfrentaram novo cangaço em Confresa

Da Redação do Bom da Notícia com Assessoria

O deputado estadual Gilberto Cattani (PL) encaminhou uma indicação ao Comandante-Geral da Polícia Militar de Mato Grosso, Coronel Alexandre Correia Mendes, solicitando a promoção, por ato de bravura, aos policiais militares que enfrentaram criminosos fortemente armados durante ataque terrorista conhecido como ‘novo cangaço’ na cidade de Confresa, no início do mês de abril.

A indicação protocolada e lida na sessão desta quarta-feira (26), pede que Comandante-geral promova, por bravura, os policiais lotados na 27º Companhia Independente de Policia Militar de Confresa, 1ª CIA de Polícia Militar de Vila Rica-MT e no NPM de Santa Terezinha.

“Os bandidos chegaram com um armamento com capacidade para parar um tanque de guerra. Quando eles cercaram o quartel estavam lá somente dois soldados que pegaram o que tinha na mão e resistiram a esses marginais. Outros policiais que chegaram de bermuda, porque estavam de folga, mas mesmo assim foram até o local para encarar esses bandidos fortemente armados. Esses homens são heróis e merecem ser condecorados como bravos que são. A minha indicação contempla a todos, tanto de Confresa, Vila Rica e região. É muito necessário que o comando os promovam com atos de bravura”, explicou Cattani.

O município de Confresa foi alvo de ataque de criminosos que atuam na modalidade ‘novo cangaço’, no final da tarde do último dia 9 de abril. Os criminosos fortemente armados atacaram a base da Polícia Militar e tentaram efetuar um roubo a sede da empresa Brinks.

Os policiais militares que atuam no município e na região realizaram os primeiros combates aos criminosos e depois receberam o apoio de PMs de todo o estado para reconhecer e prender os bandidos.

Desde então, uma força tarefa composta com policiais de diversos estados foi criada para a busca dos envolvidos no ataque.