Quarta-feira, 24 de Julho de 2024

POLÍTICA Quinta-feira, 20 de Junho de 2024, 19:17 - A | A

Quinta-feira, 20 de Junho de 2024, 19h:17 - A | A

ELEIÇÃO EM CUIABÁ

Lúdio diz que oficializa pré-candidatura em 29 de junho, depois 'formulará seu plano de governo’

Evelyn Souza/ O Bom da Notícia

O deputado estadual e pré-candidato à Prefeitura de Cuiabá, Lúdio Cabral (PT) afirmou durante entrevista à Rádio Cultura FM, nesta quinta-feira (20), que o lançamento oficial de sua pré-candidatura ocorrerá no dia 29 de junho.

De acordo com o petista, ele buscará ao decorrer do mês de julho, conhecer as principais demandas da população cuiabana para elaborar o plano de governo para a cidade.

“No dia 29 nós faremos o lançamento da nossa pré-candidatura e o lançamento de um movimento para ouvir a população da cidade de forma participativa. Portanto, teremos todo o mês de julho para dar conta desta tarefa de escutar a população da cidade para, a partir daí, formularmos o nosso programa de governo”, disse.

Criticando os adversários por anteciparem as discussões eleitorais, Lúdio explicou que uma de suas principais prioridades é tratar soluções para a saúde pública da capital. Sendo assim, tem respeitado o calendário eleitoral.

“Sempre fui muito discreto e muito cuidadoso nas minhas pré-campanhas, inclusive em respeito à população, mas já tem gente que está fazendo campanha antecipada há muito tempo. Porém, diferente deles, eu tenho procurado respeitar o calendário eleitoral legal para, assim, respeitar a população. A prioridade das prioridades é a saúde pública! A saúde é o principal problema de Cuiabá e terá que ser necessariamente objeto da nossa prioridade já desde o processo de transição depois das eleições”, pontuou.

O deputado também contou que o próximo passo, após lançar oficialmente a candidatura para a população, é aumentar o arco de alianças com os partidos políticos. Segundo Lúdio, atualmente sua chapa conta com o apoio apenas do PSD, Rede Sustentabilidade e PSOL. No entanto, tem negociado com o PSDB e Cidadania.

“O próximo caminho é buscar fortalecer o diálogo com outros partidos! O PSD, do ministro Fávaro, já tem uma posição tomada de apoiar a nossa candidatura, tanto que já participa de todas as agendas de reuniões entre as direções partidárias que temos feito. A Rede Sustentabilidade já tomou essa posição também de nos apoiar e o PSOL também tem uma posição bem madura no sentido de nos apoiar. Mas temos também o diálogo com o Cidadania há algum tempo. O Cidadania está em uma aliança com o PSDB e tive uma boa conversa com Avallone. Portanto, é um movimento sincronizado e paralelo que estamos realizando para fortalecer nosso propósito!”, contou.