Domingo, 23 de Junho de 2024

VARIEDADES Quarta-feira, 13 de Setembro de 2023, 10:00 - A | A

Quarta-feira, 13 de Setembro de 2023, 10h:00 - A | A

CULTURA ALEMÃ

Cinco mil pessoas participaram da Oktoberfest Louvada

O Bom da Notícia/com Assessoria

A 6ª edição da Oktoberfest Louvada não apenas consolidou o evento no coração dos mato-grossenses, mas também reforçou porque é a maior Oktoberfest do Centro-Oeste. Reunindo um público de mais de 5 mil pessoas e um consumo que ultrapassou os 12 mil litros de chopp, os números falam por si. “Estamos honrados com os resultados, que não só atenderam, mas superaram todas as nossas expectativas”, afirma Gregório Ballarotti, sócio-diretor da Louvada.

A festa montada na Arena Pantanal contou ainda com uma Vila Germânica de 11 mil metros quadrados. Cerca de 300 postos de trabalho direto e indireto foram gerados com a Oktoberfest Louvada.

Não somente os cuiabanos curtiram o evento, mas diversos mato-grossenses. O casal Jean Bazotti e Mayara Dellanora veio de Primavera do Leste (a 245 km de Cuiabá). Vestidos à caráter, participaram de diversas brincadeiras e se divertiram muito. “É a nossa primeira Oktoberfest. Gostamos muito de festa e cerveja. Vimos neste evento a oportunidade perfeita de encontrar em um lugar só tudo aquilo que gostamos. O nosso sonho é participar da Oktoberfest na Alemanha”.

Além do público presente, a festa contou com a participação de alemães genuínos. Os primos de Alessandra Saturnino e Júnior Bozolini, que vivem na Alemanha, conseguiram participar desta edição da Louvada.  “No ano passado nossos primos estavam passando férias em Cuiabá na época da Oktoberfest, mas como a viagem foi programada tiveram que voltar para Alemanha uma semana antes da festa. Fizemos um acordo. Prometemos que neste ano compartilharíamos tudo com eles no grupo de whatsApp da família”, conta Alessandra.

“E, assim foi feito”, acrescenta Júnior. Desde a confecção das roupas até o fim da festa. Tudo foi compartilhado. “Nossos primos alemães aprovaram a Oktoberfest cuiabana e se divertiram junto com a gente. Eles viveram todas as emoções conosco. Mesmo que tenha sido virtual, mas foi muito bom”.

Com atrações para todos os gostos e idades, a festa teve duração de 9 horas. Os shows fizeram todos dançarem e se divertirem. O aquecimento começou com a Banda Reflexo, depois foi a vez do Queen Tribute Brazil, relembrando os clássicos da banda britânica. O Biquini Cavadão foi a apresentação principal e embalou o público durante 2 horas de show. E quem fechou o evento foi o grupo MP Rock com uma grande surpresa para quem ficou até o final: a volta do Bruno Gouveia ao palco cantando junto com a banda local.

Mais que chope e música, o evento também teve um grande movimento na praça de alimentação. As crianças se divertiram no espaço kids e os adultos com brincadeiras típicas, onde o mato-grossense Felipe Acácio levou para casa um barril de chopp após vencer a gincana ‘Chopp de Metro’.

História - Criada em Munique, sudeste da Alemanha, a Oktoberfest teve início no século IXI (19), com a comemoração do casamento do Príncipe Luís com a Princesa Teresa de Saxe e perpetua até os tempos atuais, em várias regiões do mundo.

Manfred Gobel, de 69 anos, que participou da 6ª Edição da OktoberFest, anfitrião nato, relembrou um pouco de suas origens. Segundo ele, o evento realizado no país germânico possui características peculiares aos promovidos no Brasil. Lá, tem duração de vários dias com engajamento de diversas cidades.

Ele conta ainda que na Alemanha é um pouco diferente. É realizada em Munique e tem cerca de cinco milhões de visitantes. “Há várias tendas e tudo é regado a muita cerveja. E posso garantir que a OktoberFest de Cuiabá é muito boa”.