Domingo, 14 de Julho de 2024

VARIEDADES Segunda-feira, 10 de Abril de 2023, 20:01 - A | A

Segunda-feira, 10 de Abril de 2023, 20h:01 - A | A

MTur lança guias para melhorar atendimento a turistas idosos e LGBTQ+

Turismo

A famosa estátua do Cristo Redentor, principal monumento do Rio de Janeiro e cartão-postal do Brasil ao exterior
Reprodução/Instagram 03.03.2023

A famosa estátua do Cristo Redentor, principal monumento do Rio de Janeiro e cartão-postal do Brasil ao exterior

Com o desafio de promover um turismo inclusivo a todos, o Ministério do Turismo (MTur) atualizou mais duas publicações para ajudar os profissionais do setor na oferta de experiências turísticas mais seguras e prazerosas para os viajantes. Os guias “Dicas para atender bem turistas idosos” e “Dicas para atender bem turistas LGBTQIA+” trazem orientações que possibilitam uma abordagem mais ampla de atendimento e proteção, além de questões comportamentais, conceitos e dicas práticas para melhor atender cada público.

O guia para atender bem turistas LGBTQIA+ traz um novo olhar, com orientações e conteúdos atualizados sobre legalidade e conceitos básicos de identidade de gênero, sexo biológico e orientação sexual.

A publicação ainda orienta que a identidade de gênero diz respeito a vivência interna e individual sobre como a pessoa se reconhece em relação ao gênero, podendo se dar no padrão binário (masculino e feminino), não binário ou de gênero fluído. Em relação à sexualidade, a forma correta de se referir é sempre dizendo: “orientação sexual” ou “identidade de gênero”.

Uma dica do guia é tratar a pessoa de acordo com o gênero no qual ela se identifica e não pelo sexo de nascimento ou orientação sexual. Cabe destacar que, no Brasil, a discriminação a pessoas LGBTQIA+ é crime, podendo ser igualada aos crimes de racismo.

Já para os turistas idosos, a atualização do guia ressalta a premissa de que, ao contrário do que muitos pensam, a idade não é um impeditivo para uma vida socialmente ativa e lembra que esse público possui flexibilidade de horário, podendo aproveitar e desfrutar de vários roteiros.

A publicação também traz informações sobre infraestrutura apropriada; adequação de ambientes e sinalização correta para que as pessoas idosas aproveitem, por completo, a experiência turística.

As cartilhas estão disponíveis on-line e possuem um formato mais acessível, podendo ser acessadas por meio de smartphones, tablets ou por desktop. Para acessar, clique aqui.

A atualização dos guias faz parte do compromisso de entregas assumido pela ministra do Turismo, Daniela Carneiro, para os 100 primeiros dias de governo e é fruto de uma parceria com o Ministério dos Direitos Humanos e da Cidadania. O objetivo é democratizar o turismo e propiciar o acesso para todos, conforme Lei Geral do Turismo (Lei 11.771, de 2008).

Para a ministra do Turismo, Daniela Carneiro, inclusão e acessibilidade são palavras de ordem no governo federal. “Nestes primeiros 100 dias de governo, nossa atuação teve como meta garantir que o turismo, de fato, seja para todos. É com alegria que lançamos mais dois guias que buscam orientar profissionais do setor sobre como atender bem pessoas idosas e o público LGBTQIA+”, afirma Daniela Carneiro.

Outro guia que contou com uma atualização, na última semana, por parte dos ministérios do Turismo e dos Direitos Humanos e da Cidadania, foi o “Dicas para atender bem turistas com deficiência” , que aborda temas como ética e responsabilidade social, acessibilidade, desenho universal, exemplos de deficiência, capacitismo, respeito às diferenças e muito mais.

Acompanhe o iG Turismo também pelo Instagram e receba dicas de roteiros e curiosidades sobre destinos nacionais e internacionais. Siga também o perfil geral do Portal iG no Telegram.

Fonte: Turismo