icon Sábado, 17 de Agosto de 2019

SAÚDE & BEM ESTAR - A | + A

30% DIZ ESTUDOS 16.04.2019 | 17h:28

Conviver com cães diminui em mais de 30% o risco de morte e de ter doenças do coração, diz estudo

Por: O Bom da Notícia

Reprodução

Reprodução

Ter um bichinho, sobretudo cães, traz sempre inúmeras responsabilidades e algumas dores de cabeça, mas os benefícios de se conviver com eles podem ser maiores do que se imagina: de acordo com uma pesquisa recente da universidade de Uppsala, na Suécia, a companhia dos cães pode diminuir em até 33% as chances de morte e em 36% o desenvolvimento de doenças cardiovasculares para pessoas que vivem sozinhas.

 

A motivação para a prática de atividades físicas (isso mesmo, correr atrás do dog enquanto ele carrega serelepe aquela sua sandália favorita) e o apoio emocional que os cães oferecem são a causa desses resultados. Além, é claro, de minimizarem o estresse dos seus donos. Fizeram parte do levantamento 3,4 milhões de suecos, com idades entre 40 e 80 anos. O estudo acompanhou as pessoas durante 12 anos.

 

O educador físico Marcio Atala, entrevistado no programa Bem Estar, lembra da importância dessa amizade entre o cão e o dono, aliado ao exercício físico. Entre os benefícios estão a redução de morte por infarto, combate ao colesterol e pressão alta e o aumento da qualidade de vida.

 

ASSISTA AQUI MATÉRIA COMPLETA

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

CONFIRA TAMBÉM NESTA SEÇÃO:































PROGRAMA TRIBUNA VEJA MAIS

O Bom da Notícia Programa Tribuna - 16/07/2019

INFORME PUBLICITÁRIO


INFORME PUBLICITÁRIO





icon COTAÇÕES MT
Algodão R$/@ 90,09
Milho Disponível R$/sc 21,70
Soja Disponível R$/sc 57,00
Boi a Vista R$/@ 135,00
Fonte: Imea







logo O bom da notícia

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte;

Copyright © 2018 - O Bom da Notícia - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet