Domingo, 23 de Junho de 2024

CIDADES Terça-feira, 01 de Dezembro de 2020, 09:59 - A | A

Terça-feira, 01 de Dezembro de 2020, 09h:59 - A | A

DIVISA DE MT E MS

Helicóptero do Ibama cai no Pantanal e coronel do Corpo de Bombeiros morre

O Bom da Notícia

Na manhã desta terça-feira (1º), um helicóptero do Ibama (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis), caiu na região do Pantanal, na divisa de Mato Grosso com Mato Grosso do Sul. O coronel do Corpo de Bombeiros do Pará, Mauro Tadeu não resistiu a queda e morreu no local.  

Segundo informações, o helicóptero PR-HEB do Ibama realizava operações ambientais como combate aos incêndios e fazia manobra para pegar água em um rio. O acidente ocorreu por volta das 18h e às 23h parte da tripulação que fazia parte da equipe, mas que não estava na aeronave, foi localizada. Não foi informado se outras pessoas ficaram feridas.  

Por determinação do secretário de Segurança Pública de Mato Grosso, Alexandre Bustamente, o Ciopaer deve se decolar para a região do acidente para auxiliar nos trabalhos.  

As causas do acidente ainda não foram informadas.

A Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT) lamenta morte de coronel do Corpo de Bombeiros do Pará em acidente com helicóptero.

Veja a nota na íntegra

A Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT) confirma o acidente envolvendo o helicóptero PR-HEB, do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), no Pantanal sul mato-grossense. O coronel do Corpo de Bombeiros do Pará, Mauro Tadeu, que pilotava a aeronave no momento, não resistiu e veio a óbito.

Assim que recebeu a confirmação do acidente, às 6h desta terça-feira (1°/12), o secretário de Estado de Segurança Pública, Alexandre Bustamante, determinou que o Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer) prestasse apoio ao ocorrido. Imediatamente, uma equipe do Águia 02 se deslocou para a região e presta todo auxílio à ocorrência.

O contato com o helicóptero foi perdido por volta de 12h desta segunda-feira (30.11), quando começaram as buscas por informações e mobilização na região. Os destroços da aeronave e o corpo do comandante foram encontrados somente esta manhã.

O Governo do Estado, por meio do governador Mauro Mendes, e o secretário Alexandre Bustamante, lamenta o ocorrido e presta condolências aos familiares do coronel, que atuava em operações ambientais na região.