Sábado, 22 de Junho de 2024

CIDADES Quinta-feira, 13 de Agosto de 2020, 08:31 - A | A

Quinta-feira, 13 de Agosto de 2020, 08h:31 - A | A

VEM SER MAIS SOLIDÁRIO

Moradores do Pedregal e região recebem mais de duas mil cestas básicas e cobertores

O Bom da Notícia

Mais de duas mil famílias carentes que moram no Pedregal e bairros adjacentes, em Cuiabá, foram beneficiadas com doações de cestas básicas e cobertores, na manhã quarta-feira (12.08).

A ação faz parte da campanha “Vem Ser Mais Solidário – MT unido contra o coronavírus” e do programa “Aconchego”, ambas criadas e lideradas de forma voluntária pela primeira-dama do Estado, Virginia Mendes.

Campanha Vem Ser Mais Solidário e Aconchego - Entrega de cesta básica e cobertores no bairro Pedregal.
Créditos: Josi Pettengill

A distribuição foi realizada pela secretária de Estado de Assistência Social e Cidadania, Rosamaria Carvalho e os adjuntos de Assuntos Comunitários da Setasc, Édio Martins; de Direitos Humanos, Salete Morockoski; de Cidadania, Rosineide Porcionato; e de Administração Sistêmica, Rosangela Aparecida Souza.

A empresa Maxima Assessoria prestou o serviço de atendimento móvel de saúde durante as entregas, garantindo suporte, caso alguma pessoa necessitasse.

Rosamaria Carvalho, titular da pasta que executa as ações do Governo do Estado, pontuou a importância da iniciativa para as famílias carentes. 

“Sabemos dessa triste realidade que as famílias vêm passando em decorrência do coronavírus. Por esse motivo a nossa primeira-dama está se mobilizando para arrecadar doações e levar até essas famílias que muitas vezes não tem condições e precisam dessa proteção social”, pontuou. 

Vem Ser Mais Solidário
Créditos: Jana Pessôa/Setasc-MT

O presidente da Associação dos Moradores de Santo Antônio do Pedregal, José Pereira Filho, na oportunidade enfatizou a relevância da ação.

“Estamos agradecidos demais pela ação. O pouco para quem não tem nada é muito. Gostaríamos que outras entidades também tivesse a mesma atitude do Governo do Estado. Qualquer ajuda nesse momento vem em boa hora”, comentou.

Vem Ser Mais Solidário
Créditos: Jana Pessôa/Setasc-MT

A agente de saúde, responsável por fazer o cadastramento das famílias carentes, defendeu a necessidade de ações solidárias, devido ao aumento de famílias na linha de vulnerabilidade e extrema pobreza.

“A população estava precisando muito dessa ajuda. Muitas pessoas estão sem receber nada, neste período de pandemia. O Governo está de parabéns pela iniciativa”, destacou.

O casal Beatriz Eliana de Oliveira e Wender Marcelo Souza, contemplados pelas doações, durante as entregas, relataram as dificuldades enfrentadas neste quadro de pandemia. 

“Na minha casa somente eu trabalho, antes da pandemia eu tinha uma lanchonete, mas agora tive que buscar outras alternativas e estou me virando como posso. Essa cesta vai ajudar muito”, agradeceu Wender.

Campanha Vem Ser Mais Solidário e Aconchego - Entrega de cesta básica e cobertores no bairro Pedregal.
Créditos: Josi Pettengill

Desempregada e mãe de cinco filhos, Beatriz Eliana de Oliveira, contou que vive atualmente com apenas o benefício do programa Bolsa Família e muitas vezes no final do mês a situação fica complicada. “ A situação na minha casa está bem difícil, eu só tenho que agradecer ao Governo por essa ajuda”, externou.

Vem Ser Mais Solidário

A Campanha "Vem Ser Mais Solidário – MT unido contra o coronavírus" já está na segunda etapa e tem como meta distribuir mais de 100 mil cestas básicas nesta segunda fase. 

Em pouco mais de dois meses, a ação, que é liderada voluntariamente pela primeira-dama Virginia Mendes, arrecadou mais de R$ 5 milhões em doações, recursos que serão revertidos na compra de mais cestas básicas.

Campanha Vem Ser Mais Solidário e Aconchego - Entrega de cesta básica e cobertores no bairro Pedregal.
Créditos: João Reis/Setasc

Campanha Vem Ser Mais Solidário e Aconchego - Entrega de cesta básica e cobertores no bairro Pedregal.
Créditos: João Reis/Setasc

Esses recursos, somados aos investimentos realizados diretamente pelo Governo de Mato Grosso, vão possibilitar a distribuição de aproximadamente 230 mil cestas básicas ao todo, em todo Estado, beneficiando famílias carentes nos 141 municípios, algo em torno de 1,150 milhão de mato-grossenses, tendo em vista que cada cesta é capaz de alimentar uma família com cinco pessoas em média.

Se você quiser ajudar pode doar recursos diretamente na conta bancária especial, aberta exclusivamente para isso: Banco do Brasil, agência 3834-2, conta corrente número 1.042.810-0 (CNPJ 03.507.415/0009-00). Todas as doações serão revertidas para compra de cestas básicas.

Vem Ser Mais Solidário
Créditos: Jana Pessôa/Setasc-MT

Aconchego

O programa "Aconchego", que já está em sua segunda edição, vai distribuir 200 mil cobertores paras as pessoas mais vulneráveis. No ano passado, foram beneficiadas 100 mil pessoas em todo Estado. E este ano a meta foi dobrada, em razão do aumento de pessoas carentes e em situação de vulnerabilidade social. 

Campanha Vem Ser Mais Solidário e Aconchego - Entrega de cesta básica e cobertores no bairro Pedregal.
Créditos: Josi Pettengill

Campanha Vem Ser Mais Solidário e Aconchego - Entrega de cesta básica e cobertores no bairro Pedregal.
Créditos: Josi Pettengill

Além dos municípios, os cobertores também serão entregues para moradores de rua, comunidades indígenas, entidades filantrópicas e famílias que se enquadram em situação de extrema vulnerabilidade.

Para o cadastro de atendimento, as instituições, entidades e/ou grupos representativos devem enviar um ofício para o e-mail [email protected], com a lista das pessoas que serão beneficiadas, contendo nome completo, CPF, nome da mãe e Número de Identificação Social (NIS).

Ação do Estado entrega cestas básicas à Federação de Umbanda e Candomblé de MT

A campanha “Vem Ser Mais Solidário – MT unido contra o coronavírus” beneficiou famílias que frenquentam terreiros de Ubanda e Candomblé. A iniciativa do Governo do Estado, liderado de forma voluntária pela primeira-dama, Virginia Mendes, visa atender as famílias carentes que passam por adversidades na pandemia, como a falta do alimento.

A secretária-adjunta de Direitos Humanos da Setasc, Salete Morockoski, realizou as entregas representando a secretária de Estado de Assistência Social e Cidadania, Rosamaria Carvalho. Segundo ela, neste contexto de crise, dar assistência e garantir o alimento na casa das famílias carentes é a prioridade da iniciativa.

Secretária adjunta de Direitos Humanos, Salete Morockoski, entrega cestas básicas e kits de limpeza para o Terreiro N' zo ia Kisimbi, no bairro Tijucal
Créditos: Josi Pettengill

“É momento de urgência. A fome é algo difícil de suportar e estamos trabalhando diariamente para que estes alimentos cheguem o mais rápido possível a todos os que estão em situação de extrema pobreza”, pontuou.

A Federação de Umbanda e Candomblé de Mato Grosso foi contemplada com a ação. Foram repassadas ao representante no Estado, Manoel Francisco 120 cestas básicas.  Na ocasião, ele destacou o compromisso do poder público em amparar as famílias em situação de vulnerabilidade. 

Campanha Vem Ser Mais Solidário - Entrega de cesta básica para a federação de Umbanda e Candomblé.
Créditos: João Reis/Setasc

“É com grande relevância que recebemos essas doações que atende aquelas famílias mais necessitas. Estamos felizes pelo Governo cumprir o seu papel e dar essa atenção especial, a todos nós”, completou.

Carla Gonçalves, chefe de terreiro do N’ zo ia Kisimbi, localizado no bairro Tijucal, em Cuiabá, onde foram entregues 60 cestas básicas, agradeceu a iniciativa. “Muito obrigado por vocês ajudarem a minha comunidade que está tão necessitada. Axé para todos”, disse.

Campanha Vem Ser Mais Solidário - Entrega de cesta básica para a federação de Umbanda e Candomblé.
Créditos: João Reis/Setasc

Mais entregas

O Centro Nacional de Cidadania Negra Regional de Mato Grosso (Ceneg) recebeu 142 cestas básicas da campanha Vem Ser Mais Solidário. De acordo com a presidente do Ceneg, Pedro Reis, a ação social ajudará famílias do bairro Santa Terezinha II e adjacentes localizadas nas regiões periféricas.

Secretária adjunta de Direitos Humanos, Salete Morockoski, entrega cestas básicas e kits de limpeza para associação dos moradores do bairro Santa Terezinha
Créditos: Josi Pettengill

“Essa ajuda que o Governo está fazendo pela população é extremamente importante e chegou em uma boa hora. Neste momento de pandemia, muitas pessoas estão desempregadas, sem até o que comer. Muito obrigado”, declarou.

O aposentado Permínio Pires, 63 anos, comentou as dificuldades que ele e sua família passam neste período.  “Tenho um gasto muito alto com remédios. Tem mês que aperta e com a cesta por esses dias vai aliviar. Muito obrigado”, contou.

Secretária adjunta de Direitos Humanos, Salete Morockoski, entrega cestas básicas e kits de limpeza para associação dos moradores do bairro Santa Terezinha
Créditos: Josi Pettengill

Outra entidade beneficiada foi o Instituto Estadual José Brás. Segundo o presidente da instituição, Leonildes Brás, a entidade se mantém com a ajuda de voluntários e que as doações reforçam o trabalho desenvolvido. “Essas doações vêm muito a contribuir neste momento crítico que estamos vivendo da pandemia. Só temos que agradecer o apoio”. A instituição recebeu 76 cestas básicas.