Quarta-feira, 12 de Junho de 2024

CIDADES Quinta-feira, 03 de Setembro de 2020, 15:52 - A | A

Quinta-feira, 03 de Setembro de 2020, 15h:52 - A | A

SUSTENTABILIDADE

Reuso da água em canteiro de obras reduz impacto nos mananciais

O Bom da Notícia

Previsão do tempo, falta de chuva e cuidados com os níveis dos rios da cidade, nos meses de estiagem, são temas recorrentes para quem reside em Mato Grosso. Cientes do compromisso com a sustentabilidade e a importância desse recurso natural, desde 2015, a MRV tem implantado, em seus canteiros de obras, sistemas para reaproveitamento e coleta de água. Com essas ações, durante a construção dos empreendimentos, o reuso da água revela-se uma opção sustentável tanto em economia para as atividades realizadas pela companhia, quanto para preservação dos mananciais. 

Em épocas de tempo seco, questões relacionadas à crise hídrica são comumente avaliadas nas empresas, independentemente da linha de negócio. Para MRV, plataforma líder em soluções habitacionais, a sustentabilidade é prioridade na estiagem e na temporada de chuvas, onde a água de reuso faz com que várias atividades possam ser desempenhadas de forma controlada, racional e econômica. O reaproveitamento da água ocorre através de técnicas específicas sem que haja a necessidade de tratamentos mais complexos, com aplicações e desempenho em diversas frentes de trabalho. 

Os sistemas são instalados nos empreendimentos em construção como alternativas viváveis para minimizar a escassez. Em uma das técnicas, a água é coletada por meio de pontos de drenagem pluvial - como água da chuva - que deságuam em reservatórios próprios para armazenamento, de modo que posteriormente possam ser destinadas para o funcionamento dos vestiários e banheiros. 

Outra técnica utilizada pela companhia, trata-se da reciclagem da água usada na lavagem da área da betoneira – equipamento responsável por misturar os materiais da construção civil. O recurso que anteriormente era descartado, agora é reutilizado para umedecer os canteiros de obras e lavar as ferramentas.

Para gestor regional da MRV, Márcio Galvão, a destinação correta dos resíduos nos canteiros de obra é fundamental para a conscientização dos recursos no meio ambiente. “Adotamos hábitos de menor impacto nos recursos naturais e contribuímos para o futuro do planeta com preservação dos mananciais.”

A MRV integra a carteira do Índice de Sustentabilidade Empresarial (ISE) da B3, onde as empresas são reconhecidas pelas boas práticas ambientais e sociais, com sustentabilidade do negócio e produtos. “No canteiro de obras o cuidado com os recursos naturais é prioridade. A sustentabilidade é um dos pilares da companhia e com o reuso da água nos canteiros, a MRV ganha em questões econômicas e também insere ações pedagógicas entre os colaboradores da companhia” – destaca o gestor.

Sobre MRV

Para a MRV a Sustentabilidade é mais do que as ações que desenvolve nas áreas de meio ambiente e social. O tema está presente em todas as atividades da companhia, que passam desde a escolha do terreno para a construção de seus empreendimentos, técnicas inovadoras e mais sustentáveis de construção, itens que garantem economia para os moradores e projetos para o desenvolvimento sustentável na vizinhança de seus empreendimentos e projetos sociais. A MRV contribui na difusão de ideias e ações inovadoras em prol do desenvolvimento sustentável do planeta. Pelo quarto ano consecutivo integra o Índice de Sustentabilidade Empresarial (ISE) da B3, é signatária da Rede Brasil do Pacto Global da Organização das Nações Unidas (ONU), adotou o Objetivo de Desenvolvimento Sustentável de número 11, Cidades e Comunidades Sustentáveis, e seu presidente Eduardo Fischer, é líder de ImPacto para engajar demais lideranças a tornarem suas empresas mais responsáveis com a temática da sustentabilidade.