Domingo, 14 de Julho de 2024

CIDADES Sábado, 17 de Junho de 2023, 13:41 - A | A

Sábado, 17 de Junho de 2023, 13h:41 - A | A

MODERNIZAÇÃO

SES implanta novo sistema para mais agilidade no atendimento do Samu

Da Redação do o Bom da Notícia com Assessoria

A Secretaria Estadual de Saúde (SES-MT) implementou, nesta semana, um novo sistema para as demandas da Central de Regulação do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). O VSkySamu possibilitará mais agilidade no atendimento por meio do acesso rápido a localização do solicitante. São investidos R$63, 4 mil por mês para manutenção da plataforma.

“Estamos empenhados na melhoria dos atendimentos às demandas do Samu. Nosso objetivo é agilidade e eficiência na prestação de serviço, o que contribuirá no resgate de vidas”, diz o secretário Estadual de Saúde, Gilberto Figueiredo.

De acordo com coordenadora do Samu, Luciele Fernanda Benin, o novo sistema conta com um mecanismo moderno de georreferenciamento que foi instalado nas ambulâncias e no setor de Regulação da unidade.

“Essa plataforma mostra o exato local em que uma pessoa está solicitando o atendimento e isso resultará em um menor tempo para a chegada das equipes ao local da ocorrência”, explica a gestora.

O sistema permitirá, ainda, a identificação das áreas com alto índice de acidentes, além de detectar locais onde os moradores apresentam maior incidência de algum mal súbito relacionado à saúde. “Dessa forma conseguimos orientar os gestores a um acompanhamento mais eficiente em pontos estratégicos, seja no trânsito ou em serviços em saúde”, acredita Luciele.

A plataforma foi implementada nas ambulâncias que atendem os municípios da baixada cuiabana, sendo eles Cuiabá, Várzea Grande, Chapada dos Guimarães e Poconé. A nova ferramenta também foi instalada na Central de Regulação do Samu, que regula as ocorrências dos municípios de Aripuanã, Barra do Bugres, Brasnorte, Colniza, Confresa, Cotriguaçu e Juina

“São mais de 10 mil ligações recebidas por mês. Atendemos a solicitação de uma população superior a 800 mil habitantes. Temos certeza de que o VSkySamu irá revolucionar a realidade dos atendimentos dessa Central, ajudando a salvar muitas vidas”, conclui a gestora.