Domingo, 23 de Junho de 2024

CIDADES Sábado, 13 de Março de 2021, 09:51 - A | A

Sábado, 13 de Março de 2021, 09h:51 - A | A

FOME NO PANTANAL

Shopping faz exposição de fotos do Pantanal mato-grossense

O Bom da Notícia

A exposição “Da Fome Cinzenta à Esperança Pantaneira”, realizada pelo Grupo É o Bicho MT, no Pantanal Shopping termina neste sábado, 13 de março. São 20 fotos, feitas e doadas pelos renomados fotógrafos cuiabanos José Medeiros e Deny Kobayashi, que trazem imagens das paisagens e animais da fauna pantaneira e mostram o Pantanal em toda sua exuberância, mas também a devastação causada pelos incêndios que assolaram o bioma em 2020.

As fotos estão expostas no Piso 1 do shopping, e podem ser apreciadas gratuitamente, durante todo o funcionamento do empreendimento, das 10h às 19h, de segunda a sexta-feira e das 8h às 12h aos sábados. Todas elas poderão ser adquiridas pelo público, com preços que vão de R$ 230 a R$ 1.000. Também estarão à venda camisetas (R$ 50), máscaras (R$ 10), canetas (R$ 5) e cadernos (R$ 35). Todo o valor será revertido para o trabalho do Grupo É o Bicho MT.

“Reconhecemos e valorizamos a importância do Pantanal mato-grossense para o ecossistema e o equilíbrio da natureza. Apoiar ações que visam a preservação da fauna e da flora locais está no nosso DNA. No ano passado apoiamos o Movimento Salve o Pantanal, com a doação de alimentos para os animais resgatados do histórico incêndio e agora apoiamos a exposição fotográfica”, comenta Emmanuelle Thomaz, coordenadora de Marketing do Pantanal Shopping.

O Grupo É o Bicho MT vem atuando no Pantanal mato-grossense desde setembro do ano passado, minimizando a escassez de alimentos no período da fome cinzenta. Em cinco meses de ação, distribuiu mais de 250 toneladas de alimentos como frutas, legumes e ovos aos animais.

O trabalho de distribuição de alimentos foi encerrado no fim de janeiro, mas ação do É o Bicho MT no Pantanal continua, agora com foco em uma campanha de castração e vacinação de animais domésticos que vivem nas comunidades ribeirinhas do Pantanal e que não tem acesso a veterinários e alimento para esses animais, o que acaba se tornando uma questão de saúde pública.

Segundo a presidente do Grupo É o Bicho MT, Jenifer Larrea, com essa ação o grupo atingiu o objetivo que era de socorrer a fauna sobrevivente e minimizar os impactos causados pelas queimadas. Mas o trabalho continua. “O Pantanal agora faz parte da história do É o Bicho MT e vamos continuar nossas ações por lá, agora focando na castração de vacinação de animais domésticos que vivem nas comunidades pantaneiras. Essa ação está sendo realizada em parceria com a ONG Panthera e com o fotógrafo José Medeiros, que desenvolve um lindo trabalho social no Pantanal também”.

Sobre o É o Bicho MT

O Grupo É O Bicho MT é uma associação sem fins lucrativos, formada por protetores, voluntários, defensores e simpatizantes da causa animal de Cuiabá e região, que desde 2015 busca amparar, na medida do possível, os animais de rua e que vivem em situações rotineiras de maus tratos, apoiando as organizações e protetoras independentes de Cuiabá.

Diante da entristecedora situação do Pantanal, o grupo iniciou uma ação voltada para o auxílio da sobrevivência dos animais no Pantanal criando, assim, a campanha de arrecadação de alimentos para socorrer a fauna sobrevivente da região de Poconé.

A exposição é realizada pelo grupo É O Bicho MT e tem o apoio do Pantanal Shopping, GTX Sports e da Green Sabores Naturais.