Quinta-feira, 18 de Julho de 2024

POLÍCIA Quarta-feira, 02 de Agosto de 2023, 17:42 - A | A

Quarta-feira, 02 de Agosto de 2023, 17h:42 - A | A

PRISÃO PREVENTIVA

Autor de furto e estelionatos em diversas cidades de MT é preso pela Polícia Civil em MS

Investigações identificaram a participação do suspeito no furto de uma empresa de peças agrícolas em Sinop

Da Redação do O Bom da Notícia/Com Assessoria

Um homem suspeito da prática de estelionato em diversas cidades de Mato Grosso teve o mandado de prisão cumprido pela Polícia Civil, nesta terça-feira (01), após ser identificado em investigações, da 1º Delegacia de Polícia de Sinop e da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf) do município.

O suspeito, que estava com mandado de prisão preventiva decretada pela 1ª Vara Criminal de Sinop com base em investigações da Polícia Civil, teve a ordem judicial cumprida em Campo Grande, estado de Mato Grosso do Sul.

As investigações iniciaram em abril deste ano, após o suspeito se envolver em um acidente de trânsito entre uma motocicleta e um automóvel. Na ocasião, o suspeito assumiu a responsabilidade dos danos materiais dos dois veículos, desde que a vítima pagasse a metade da franquia, no valor de R$ 2,5 mil.

A partir do pagamento do primeiro valor, o suspeito conseguiu continuar ludibriando a vítima e subtrair mais R$ 2 mil, supostamente para fazer o reparo da motocicleta, que não foi realizado. Mesmo diante dos pagamentos, o suspeito continuava cobrando novos valores da vítima, que decidiu fazer a denúncia do crime de estelionato.

Desdobramento 

Com base nas informações, os investigadores da 1ª DP e da Derf de Sinop iniciaram as diligências, conseguindo identificar que o veículo, envolvido no acidente, era alugado e foi utilizado por criminosos na prática de um furto mediante fraude de peças ocorrido no mês em uma loja de peças e equipamentos agrícolas.

As investigações apontaram que no dia do furto, o suspeito chegou à loja, uniformizado e com crachá, afirmando que pegaria algumas peças que teriam sido vendidas em outra unidade. Após identificação do suspeito, os policiais identificaram pelo menos oito ocorrências registradas contra ele, relacionadas a crimes de furto e estelionato, em sete municípios de Mato Grosso, onde ele morou nos últimos dez anos. 

Um dos crimes ocorreu no ano de 2022, em Cuiabá, onde ele se apresentava como engenheiro agrônomo e tirou mais de R$ 22 mil de uma vítima em uma suposta associação para abertura de uma empresa na área agrícola.

A partir das informações levantadas, o delegado Edmundo Félix de Barros Filho representou pela prisão do suspeito por furto que foi expedida pela Justiça, porém o suspeito foragiu da cidade de Sinop. As investigações continuaram até que o suspeito foi localizado morando em Campo Grande, onde foi preso com o apoio da Polícia Civil de Mato Grosso do Sul.