Domingo, 16 de Junho de 2024

POLÍCIA Quinta-feira, 13 de Agosto de 2020, 07:44 - A | A

Quinta-feira, 13 de Agosto de 2020, 07h:44 - A | A

4 TIROS

Morre empresário baleado ao ser confundido com policial federal

O Bom da Notícia

Morreu na noite desta quarta-feira (12) o empresário Toni da Silva Flor, 38 anos,vítima de um atentado na frente de uma academia no bairro Jardim Santa Marta, em Cuiabá. Ele levou 4 tiros ao ser confundido pelo alvo, que seria um policial federal, também aluno da academia e tem um carro igual da vítima. O crime ocorrer na terça-feira (11) pela manhã. 

De acordo com as informações do boletim de ocorrência, a Polícia Militar foi acionada 7h15 quando a vítima estava sendo socorrida por um instrutor da academia para o Hospital Municipal de Cuiabá.

Consciente após os tiros, a vítima contou que estava chegando para malhar e passou pelo suspeito, que momentos depois perguntou se ele era “Michel”, o policial federal. Mas, quando se virava para responder, já foi surpreendido pelos tiros.

Ele chegou a correr para dentro da academia, mas ainda assim, foi atingido por 4 disparos. Após o crime, o suspeito fugiu em uma motocicleta.O local estava com marcas de sangue. Câmeras de segurança podem ajudar na identificação do suspeito.

O caso foi registrado e a polícia já descobriu que há, na mesma academia, um aluno que é policial federal e tem o mesmo nome que o suspeito procurava.O caso foi tratado inicialmente como tentativa de homicídio e está sendo investigado pela Polícia Civil de Cuiabá.

Segundo informações, o alvo seria agente da Polícia Rodoviária Federal (PRF).