Quarta-feira, 17 de Julho de 2024

POLÍTICA NACIONAL Terça-feira, 04 de Julho de 2023, 17:31 - A | A

Terça-feira, 04 de Julho de 2023, 17h:31 - A | A

Aprovada indicação de Sidney Romeiro à embaixada nos Emirados Árabes Unidos

Agência Senado

Por 37 votos favoráveis, 4 contrários e 3 abstenções, o Plenário aprovou nesta terça-feira (4) a indicação do diplomata Sidney Leon Romeiro para exercer o cargo de embaixador do Brasil nos Emirados Árabes Unidos.

A aprovação da indicação, relatada pelo senador Nelsinho Trad (PSD-MS), será comunicada à Presidência da República (MSF 30/2023).

No início da votação, Nelsinho Trad destacou que Sidney Romeiro “é um diplomata da mais alta qualidade que, com certeza, vai ser muito importante na abertura de fronteiras diplomáticas e de negócios nos Emirados Árabes”.

Carreira

Ministro de primeira-classe do Itamaraty, Sidney Leon Romeiro nasceu em São Caetano do Sul, São Paulo, em 1962. Formou-se em direito pela Universidade de São Paulo em 1989 e fez pós-graduação em direito internacional na mesma instituição, dando início aos seus estudos no Instituto Rio Branco em 1995. Foi conselheiro na Embaixada em Londres, de 2015 a 2018, e cônsul-geral adjunto no Consulado-Geral em Londres, entre 2018 e 2019. Atualmente é diretor do Departamento do Oriente Médio no Ministério das Relações Exteriores, desde 2019.

Romeiro também já foi agraciado com várias condecorações nacionais e estrangeiras, como a Ordem do Infante Dom Henrique de Portugal, em 1997; a Ordem do Sol do Peru, em 2000; a Medalha do Pacificador pelo Exército Brasileiro, em 2009; e a Ordem do Rio Branco do Ministério das Relações Exteriores, no ano de 2014.

Busca de investimentos

Em sabatina na Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional (CRE), em junho, Romeiro apresentou o plano de trabalho que pretende desenvolver, o que inclui a busca de investimentos provenientes dos fundos soberanos dos Emirados Árabes, nas áreas de estrutura, defesa e energia. Segundo Romeiro, o país procura por economias de escala, como a do Brasil.

Na CRE, a indicação de Sidney Romeiro foi relatada pelo senador Cid Gomes (PDT-CE) e lida por Nelsinho Trad.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

Fonte: Agência Senado