Quarta-feira, 29 de Maio de 2024

POLÍTICA NACIONAL Segunda-feira, 14 de Novembro de 2022, 19:02 - A | A

Segunda-feira, 14 de Novembro de 2022, 19h:02 - A | A

Moraes diz que democracia foi atacada e aponta culpa das redes sociais

Política Nacional

Ministro Alexandre de Moraes
Antonio Augusto/Secom/TSE - 02.10.2022

Ministro Alexandre de Moraes

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral ( TSE ) e ministro do Supremo Tribunal Federal ( STF ), Alexandre de Moraes , disse nesta segunda-feira (14) que as instituições brasileiras, mesmo quando sofrem ataques, são fortes e foram responsáveis pela manutenção da democracia do país. O magistrado participou da primeira edição do Lide Brazil Conference, no HCNY (Harvard Club of New York), nos Estados Unidos,

“A democracia foi atacada, a democracia foi desrespeitada, a democracia foi aviltada, mas a democracia sobreviveu, a democracia resistiu, porque o país tem instituições fortes, o país tem um poder judiciário autônomo, o país tem juízes de primeira instância até o STF, juízes que respeitam a Constituição”, comentou.

O magistrado não deu exemplos específicos de ataques contra a democracia e nem mencionou nomes. Ao longo dos últimos quatro anos, o Supremo precisou lidar com manifestações antidemocráticas que pediam o fechamento do Congresso, do TSE e da própria Corte.

Moraes ressaltou que um dos motivos para os protestos golpistas é a ação das “milícias digitais”. Na avaliação dele, há grupos nas redes sociais que propagam falsas notícias contra o sistema eleitoral brasileiro, prejudicando a democracia e a “liberdade”.

“Essas milícias digitais, essa desinformação atacam uns segundo ponto, que é o sistema eleitoral, que é a base da democracia”, declarou. Ele também acusou “jornalistas” e influenciadores” de participarem das ações.

Alexandre de Moraes é hostilizado

Na noite de domingo (13),  Alexandre de Moraes foi xingado por brasileiros bolsonaristas em um restaurante, em Nova York, nos Estados Unidos.

Em um dos vídeos compartilhado nas redes sociais, o ministro é abordado por um homem dentro de um restaurante. O brasileiro que está gravando acusa Moares de estar gastando o "dinheiro do povo brasileiro" em frases que intercalam entre português e inglês. Ao final do vídeo, o homem xinga o ministro do Supremo de "vagabundo" e comemora com outras pessoas que estão fora do restaurante.

Grupo Lide

A primeira edição do evento iniciou nesta segunda no HCNY (Harvard Club of New York), nos Estados Unidos. O maior foco da reunião é discutir a liberdade, a democracia e a economia do país a partir do ano que vem.

O primeiro dia do Lide Brazil conta com a presença de ministros do STF (Supremo Tribunal Federal), do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), do TCU (Tribunal de Contas da União) e autoridades brasileiras, além de 260 empresários.

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo. Siga também o  perfil geral do Portal iG.

Fonte: IG Política