icon Domingo, 15 de Dezembro de 2019

POLÍCIA - A | + A

FEMINICÍDIO 10.06.2019 | 11h:16

Mulher morta por marido em VG já havia pedido protetiva e feito vários B.O.s contra agressões

Por: Rafael Medeiros - O Bom da Notícia

PM

PM

A doméstica Maria Domingas Elias de Anunciação, 35 anos, morta a facadas, no último sábado (8), em Várzea Grande, pelo marido Uelton Rodrigues de Jesus, 42 anos, já havia pedido socorro à polícia várias vezes. Pelo menos, quatro boletins de ocorrências foram registrados, contra o companheiro, que por sinal também matou a mulher com quem havia se relacionado antes de Maria Domingas. O suspeito está foragido.

 

Segundo informações repassadas pela Polícia Civil, a vítima já era uma 'habitué', na delegacia, na feitura de registros contra as agressões feitas pelo companheiro. O último realizado em janeiro deste ano, quando o mesmo ateou fogo na casa, onde o casal morava.

 

Uelton já responde pela morte de outra mulher, que matou - também a facadas - em 2009. 

 

Na delegacia, o primo de Maria - que preferiu não se identificar - confirmou que ela tinha pedido medidas protetivas. Porém, Uelton não saia da casa, alegando que o imóvel era dele também. O suspeito mantinha a vítima sobre constantes ameaças.

 

"Ela me falava que não ia sair da casa, pois se fosse embora ele a mataria. Minha prima também não tinha emprego, por isso dependia desse assassino. Eu nunca imaginei que Uelton mataria minha prima", lamenta o familiar. 

 

Em janeiro deste ano Maria acionou a polícia após Uelton ameaça-la com uma faca. A Polícia Militar foi até a casa, mas o suspeito já havia foragido. Depois ele retornou ao local e colocou fogo no quarto. A vítima já tinha registrado outros boletins em agosto e janeiro de 2018, relatando ameaças a ela e ao filho e destruição de objetos da casa.

 

Em junho de 2007, Uelton tentou matar a ex-enteada. O homem colocou fogo na casa onde morava com a companheira, no Pedra 90. A mulher estava separada há 5 meses do agressor. Ela e a filha estavam dormindo quando acordaram com a casa pegando fogo. Uelton confessou o crime, porém, foi solto mediante indenização de R$ 10 mil.

 

W.E.A, 15 anos, filho de Maria, também foi esfaqueado na região do queixo, nádegas e pernas. O menor foi socorrido por populares e levado ao Pronto-Socorro Municipal de Várzea Grande. Procurada pela reportagem, a unidade se recusou informar o atual estado de saúde do menor. 

 

Vizinhos ouviram pedidos de socorro e nada fizeram

 

Os vizinhos de Maria relataram aos policiais que sempre ouviam gritos e brigas vindos da casa do casal. No dia do crime, ouviram Maria pedir ajuda, mas nada fizeram, pois acharam que eram as brigas cotidianas do casal. 

 

A casa, segundo a polícia, foi encontrada toda revirada.  Ajude a polícia a capturar Uelton. Denúncias podem ser feitas no 197 ou 3901-4825.

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

LEIA MAIS SOBRE ESTE ASSUNTO

CONFIRA TAMBÉM NESTA SEÇÃO:































INFORME PUBLICITÁRIO





icon COTAÇÕES MT
MILHO DISPONÍVEL R$/sc 29,90
PLUMA DISPONÍVEL R$/@ 79,87
BOI GORDO À VISTA R$/@ 195,11
PREÇO DO SUÍNO VIVO R$/kg 4,62
LEITE R$/l 1,08
SOJA DISPONÍVEL R$/sc 78,75
VACA GORDA À VISTA R$/@ 182,28
Fonte: Imea







logo O bom da notícia

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte;

Copyright © 2018 - O Bom da Notícia - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet