icon Segunda-feira, 20 de Maio de 2019

POLÍTICA - A | + A

REUNIÃO COM BOLSONARO 14.05.2019 | 20h:31

Mauro Carvalho garante que Estado não vai desistir do repasse do FEX

Por: Alexandra Freire - O Bom da Notícia

O governador Mauro Mendes e, ao fundo, Carvalho

Mauro mendes e mauro carvalho

 

O secretário-chefe da Casa Civil, Mauro Carvalho, voltou a afirmar que o Estado não vai desistir de cobrar o repasse do Fundo de Auxílio à Exportação (FEX), na ordem de R$ 450 milhões, que deveria ter sido pago no início do ano.

 

A declaraçãode Carvalho foi dada em uma live feita pelo site VG Notícias, nesta terça-feira (14). [veja no final da matéria]

 

O braço direito do governador, no Palácio Paiaguás, lembrou que na semana passada, o gestor estadual, o democrata Mauro Mendes, participou de uma reunião com o presidente da República, Jair Bolsonaro (PLS), em Brasília.

 

No encontro, que contou com a presença de 25 governadores, foi entregue ao presidente a “Carta do Fórum de Governadores”, em que constam seis reivindicações que visam assegurar a estabilidade financeira dos estados, dentre estes pontos está o pagamento do FEX.

 

A bancada federal de Mato Grosso, no Congresso Nacional, vem unindo forças para colocar fim aos atrasos no repasses do FEX. Como forma de assegurar que estes recursos ajudem a reequilibrar as contas estaduais. Sobretudo, com eles em caixa o gestor estadual consiga fazer Mato Grosso voltar a crescer.

 

Os oito deputados e os três senadores - sob a coordenação de Neri Geller, neste caso em específico -, vêm conversando com o presidente da Câmara Rodrigo Maia e com o presidente Jair Bolsonaro para que até o final do ano, seja regulamentada a data do repasse do Fundo e o seu valor. Pois quando a Lei Kandir foi instaurada, não previu essa regulamentação, então o FEX sempre dependeu da articulação política.

 

“Nós não vamos desistir do FEX. Esse recurso vai nos ajudar muito, principalmente, na área da saúde. A bancada federal está imbuída nesse mesmo sentindo. Então, governo e bancada federa vem unindo forças para colocar fim aos atrasos no repasses do FEX. Como forma de assegurar que estes recursos ajudem a reequilibrar as contas estaduais. E com eles em caixa o gestor estadual consiga fazer Mato Grosso voltar a crescer”, disse o secretário chefe da Casa Civil, Mauro Carvalho.

 

 

 

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

LEIA MAIS SOBRE ESTE ASSUNTO

CONFIRA TAMBÉM NESTA SEÇÃO:





















PROGRAMA TRIBUNA VEJA MAIS

O Bom da Notícia Programa Tribuna - 17/05/2019

INFORME PUBLICITÁRIO


INFORME PUBLICITÁRIO




icon COTAÇÕES MT
Boi a Vista R$/@ 135,00
Algodão R$/@ 90,09
Milho Disponível R$/sc 21,70
Soja Disponível R$/sc 57,00
Fonte: Imea







logo O bom da notícia

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte;

Copyright © 2018 - O Bom da Notícia - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet