icon Sábado, 24 de Agosto de 2019

POLÍTICA - A | + A

COMPADECIDO COM OS SERVIDORES 25.06.2019 | 10h:36

Prefeito anuncia doação de R$ 3,5 milhões à Santa Casa em sete parcelas de R$ 500 mil

Por: Ana Adélia Jácomo

secom

secom

O prefeito de Cuiabá Emanuel Pinheiro (MDB) disse nesta terça-feira (25), que espera uma manifestação do Tribunal Regional do Trabalho para efetivar a doação de R$ 3,5 milhões para pagamento de salários atrasados dos funcionários do hospital Santa Casa de Misericórdia.

 

A declaração foi dada durante assinatura da ordem de serviço para a construção do viaduto Murilo Domingos, na Avenida Manoel José de Arruda (Av. Beira Rio). De acordo com ele, será feito um parcelamento em sete meses; a primeira parcela será depositada em 5 de julho, no valor de R$ 500 mil. 

 

“Estamos prontos para ajudar espontaneamente com R$ 3,5 milhões em sete parcelas de R$ 500 mil, a partir de 5 de julho, para ajudar no drama dos trabalhadores da Santa Casa”, disse ele. 

 

O TRT já homologou um cronograma apresentado pelo Governo do Estado para quitar mais de R$ 10 milhões, referente aos atrasos salariais do hospital filantrópico com cerca 720 funcionários. Dos quais, a primeira parcela no valor de R$ 3 milhões, já foi depositada na Caixa Econômica Federal. 

Apesar de a Santa Casa ser de responsabilidade do Estado, eu não poderia deixar de dar a nossa contribuição.

 

“Não tem cidadão no mundo que não se compadeça da dura situação dos trabalhadores. São oito meses sem salários. Apesar de a Santa Casa ser de responsabilidade do Estado, eu não poderia deixar de dar a nossa contribuição. Desde que haja uma autorização, um respaldo legal junto ao TRT’, completou Emanuel Pinheiro. 

 

O governador Mauro Mendes (DEM) decretou requisição administrativa dos bens e serviços do hospital filantrópico, após a empresa privada declarar inviabilidade financeira e dívidas na ordem de R$ 118 milhões. 

 

A segunda parcela do acordo feito com o Estado será transferida no próximo dia 24, no valor de R$ 3,1 milhão. Entre julho a outubro, o Poder Executivo irá transferir as quatro últimas parcelas de R$ 1,1 milhão, cada.  

 

A decisão significa que o Estado passa agora a ter todo o controle do estabelecimento e de seus equipamentos de forma emergencial e temporária. 

 

O hospital passou a se chamar Hospital Estadual Santa Casa, e deve ter as portas abertas ainda esta semana, após ampla reforma no prédio. A unidade está fechada desde 11 de março. (Com colaboração de Rafael Medeiros).

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

LEIA MAIS SOBRE ESTE ASSUNTO

CONFIRA TAMBÉM NESTA SEÇÃO:































INFORME PUBLICITÁRIO


INFORME PUBLICITÁRIO





icon COTAÇÕES MT
Soja Disponível R$/sc 57,00
Milho Disponível R$/sc 21,70
Boi a Vista R$/@ 135,00
Algodão R$/@ 90,09
Fonte: Imea







logo O bom da notícia

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte;

Copyright © 2018 - O Bom da Notícia - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet