icon Terça-feira, 16 de Julho de 2019

POLÍTICA - A | + A

LUCAS DO RIO VERDE 05.06.2019 | 18h:15

Prefeito tenta explicar na Câmara empréstimo de R$ 34 mi; o 3º solicitado por Binotti

Por: Da Redação - O Bom da Notícia

(Foto: Reprodução/Web)

Binotti.jpg

 

O prefeito Luiz Binotti (PSD), de Lucas do Rio Verde (33 km de Cuiabá), tentou explicar na noite desta terça-feira (04) na Câmara de Vereadores, o pedido de empréstimo de R$ 34 milhões que o município está buscando junto a Caixa Econômica Federal.

 

Conforme o prefeito, o recurso de R$ 34 milhões será investido na ampliação da rede de esgoto, aquisição de veículos e máquinas pesadas, aquisição de usina asfáltica, máquinas e material para pavimentação, construção de escola e compra de ônibus escolar.

 

A audiência pública na Casa de Leis que debateu o Substitutivo ao Projeto de Lei n. 34/19, atendeu solicitação do vereador Airton Callai (PRB). Que reputou como positiva a explicação do prefeito social democrata.

 

Se posicionando ao contrário de Callai, o vereador Dr. Wagner Godoy (SD), acha desnecessário que o município contraia mais um empréstimo. Ao lembrar que este será o terceiro solicitado pela gestão; os outros dois, já aprovados, somam mais de R$ 17 milhões.

 

Ainda para o parlamentar municipal, com os recursos que o município possui, é possível executar as obras sem a necessidade de realizar novos empréstimos e pagar juros.

 

"A alienação de bens prevista para 2019 é de R$ 17.5 milhões, nesse valor não está incluso a venda do Posto Central, prevista de R$ 6 milhões. Já foi pago dois empréstimos de mais de R$ 17 milhões, somados a isso, tivemos um superávit em 2018, de R$ 17 milhões. Então, tem dinheiro. Esse valor somado dá mais de R$ 50 milhões. É preciso planejar e executar as obras com o recurso que temos, sem endividar o município e sem pagar juros abusivos".

 

O Substitutivo ao Projeto de Lei n. 34/19 está tramitando nas comissões de estudo da Câmara e ainda não tem data definida para a votação.

 

O pedido de empréstimo feita por Binotti deverá ser analisado na Câmara ainda sob o viés de que o valor final do empréstimo a ser pago será de R$ 56 milhões. Levando em consideração que sua quitação será realizada em até 96 meses, com 24 meses de carência e taxa anual de juros entre 10% e 12%.

 

Na audiência a taxa de juros foi um dos principais pontos questionados. O representante da Caixa, Denner Schorr, explicou que o financiamento será realizado por meio de uma linha de crédito especial, destinada aos municípios, Financiamento à Infraestrutura e ao Saneamento (Finisa). (Com informações da assessoria da Câmara) 

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

LEIA MAIS SOBRE ESTE ASSUNTO

CONFIRA TAMBÉM NESTA SEÇÃO:































PROGRAMA TRIBUNA VEJA MAIS

O Bom da Notícia Programa Tribuna - 16/07/2019

INFORME PUBLICITÁRIO


INFORME PUBLICITÁRIO





icon COTAÇÕES MT
Algodão R$/@ 90,09
Milho Disponível R$/sc 21,70
Boi a Vista R$/@ 135,00
Soja Disponível R$/sc 57,00
Fonte: Imea







logo O bom da notícia

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte;

Copyright © 2018 - O Bom da Notícia - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet