Quinta-feira, 20 de Junho de 2024

CIDADES Sábado, 18 de Maio de 2024, 08:43 - A | A

Sábado, 18 de Maio de 2024, 08h:43 - A | A

CUIDADO

Psicólogo cria "super-heróis cuiabanos" para conscientizar crianças sobre segurança no trânsito

Da Redação do Bom da Notícia com Assessoria

Com o objetivo de conscientizar crianças sobre a importância da segurança no trânsito em Cuiabá, o psicólogo Afro Stefanini II, criou dois 'super-heróis cuiabanos' para auxiliar na campanha do 'Maio Amarelo', realizada pela Prefeitura de Cuiabá, por meio da Secretaria de Mobilidade Urbana (Semob), na rede pública de ensino municipal. Denominados de ‘Mob Boy’ e ‘Mob Girl’, os heróis da Semob são responsáveis por apresentar de maneira lúdica, cinco virtudes principais que devem ser adotadas no trânsito.

A ação, que começou nesta quarta-feira (15) na Escola Municipal de Educação Básica (EMEB) Zeferino Leite de Oliveira, localizada no bairro Pedra 90, tem como público-alvo crianças entre 9 e 12 anos e foca, principalmente, em ações comportamentais do dia-a-dia, como a importância de andar pela faixa de pedestres, não estacionar em locais proibidos, não ultrapassar no sinal vermelho, não desrespeitar o limite de velocidade nas vias, entre outros.

“Muitas vezes os programas de educação de trânsito falam muito sobre as ações comportamentais, e elas são muito importantes, mas eles são crianças, para que eles entendam, a mensagem deve ser repassada de maneira diferente. Eles ainda estão se formando como cidadãos, e precisamos trabalhar com eles a importância das virtudes, que nos ajudam a entender tanto o nosso papel social, quanto o nosso papel familiar. Só que existe um compromisso de fazer esse papel no trânsito também. Então nós apresentamos as cinco virtudes do trânsito. E nessas cinco virtudes, nós apresentamos dois heróis específicos de Cuiabá, o Mob Boy e a Mob Girl, os heróis da Semob”, explicou o especialista.

Segundo o profissional, a imagem lúdica dos heróis faz com que as crianças enxerguem nesses dois personagens uma figura de virtudes e valores, assim como os clássicos filmes de heróis já conhecidos pelas crianças.

“Quando nós falamos de heróis, as crianças assistem na televisão o homem-aranha, o superman, o batman, mas não basta ter somente superpoderes, normalmente esses personagens são virtuosos. Imagina uma criança olhando para a sua a sua responsabilidade, com cuidado, atenção, amor a vida, e isso tudo de uma forma heróica, de forma lúdica, criativa, dentro do universo infantil. Muitas vezes a gente quer que as crianças entendam uma palestra técnica, mas elas saem dali com pouco aproveitamento e o que a Semob fez dessa vez foi diferente. Isso faz com que a criança aceite e aprenda muito mais”, avaliou Stefanini.

Conforme a secretária de Mobilidade Urbana, Luciana Zamproni, a ação é inovadora justamente por conseguir transmitir e conscientizar crianças sobre os perigos no trânsito de maneira simples e dinâmica.  "Nós pautamos esse projeto em cinco pilares principais, cque são as virtudes, são cinco virtudes e o trânsito. Ensinamos as crianças sobre a responsabilidade, o cuidado, a atenção, amor e respeito e, com isso nós vamos trabalhar ensinando a respeito de um trânsito mais responsável e cuidadoso. E usando esses super-heróis, nós conseguimos levar o código de trânsito de maneira simples e lúdica, que elas entendam", disse.

Já a diretora da EMEB Zeferino Leite, Matilde Ferreira, destacou que apesar de ações relacionadas ao trânsito já compor o quadro de atividades da escola, o reforço da Semob é de extrema importância, visto que, além de ser um recurso a mais, é uma ação que revigora o cotidiano escolar dos alunos.

“Trabalhar a questão do trânsito é de suma importância. Aqui na nossa comunidade do Pedra 90, nós temos em torno de 150 mil moradores mais ou menos, o trânsito é bem caótico e nós atendemos cerca de 1.500 alunos. Essas ações nas escolas são fundamentais, porque são eles que vão refletir esses aprendizados, serão os multiplicadores na casa deles. Essas ações relacionadas ao trânsito, são atividades que a gente trabalha dentro do nosso projetinho mesmo da escola, só que essa ação em conjunto com a Semob é muito importante, porque é um recurso a mais, é um reforço a mais para nos auxiliar. Não só recurso, mas estratégia diferenciada para nos auxiliar”, destacou.