Sábado, 18 de Maio de 2024

ESPORTES Sexta-feira, 18 de Novembro de 2022, 14:01 - A | A

Sexta-feira, 18 de Novembro de 2022, 14h:01 - A | A

Matuidi: O futebol tem o poder de criar um mundo melhor

Esportes

Vivemos tempos incertos, repletos de conflitos e crises globais. O mundo está dividido. A Copa do Mundo da FIFA™, por meio do poder do futebol, reunirá as pessoas para cruzar fronteiras, unir e comemorar juntas. O Futebol Une o Mundo será um movimento global para inspirar, unir e desenvolver através do futebol.

FIFA Legends compartilhou suas histórias de como o futebol uniu seus respectivos países durante tempos incertos. Com o tão esperado pontapé inicial para o Catar 2022 chegando, fizemos uma viagem pela estrada da memória com o francês Blaise Matuidi. Relativamente poucos jogadores de futebol ao longo da história tiveram o privilégio de participar de uma Copa do Mundo da FIFA. Escusado será dizer que aqueles que competiram em dois torneios são ainda mais raros, e se uma dessas aventuras incluísse uma vitória na final, isso os colocaria em um clube de elite. Blaise Matuidi, que foi peça-chave nas seleções da França que perderam nas quartas de final do Brasil 2014 e ergueram o troféu na Rússia 2018, é sócio daquele clube, embora às vezes tenha que se beliscar para verificar se isso realmente aconteceu.

“Eu sonhava com coisas assim, mas nunca ousei pensar que esses sonhos poderiam se tornar realidade um dia”, disse o meio-campista combativo. “Foi incrível compartilhar uma experiência tão incrível com minha família, amigos e companheiros de equipe. Foi pura alegria durante todo o torneio.” O caso de amor do francês com a Copa do Mundo havia começado duas décadas antes. Em 1998, Les Bleus, com estrelas como Zinedine Zidane, Didier Deschamps e Lilian Thuram, impressionou Matuidi, de 11 anos, ao erguer o troféu em casa. “Essa é a minha primeira lembrança da Copa do Mundo”, disse ele. “Eu era jovem e sonhava com aquele time da França – era uma geração incrível. “Eu morava em um conjunto habitacional em Paris. Estávamos cercados por grandes blocos de apartamentos e, cada vez que havia um gol, saíamos todos para nossas varandas. Pegávamos potes e panelas e batíamos neles; ecoaria por toda a vizinhança. Estávamos unidos, o bairro estava unido e a França estava unida – tudo pela mesma paixão, o futebol.”

Futebol - Suíça x França - Copa do Mundo FIFA Brasil 2014 - Grupo E - Arena Fonte Nova, Salvador, Brasil - 20/6/14.Actionshot, Frances Blaise MATUIDI comemora após marcar um gol, Visa Board, FIFA Partners, Emoções.Crédito obrigatório : Imagens de ação / Craig Brough.A vida de Matuidi, que passou de torcedor entusiasta a campeão mundial, pode ter passado por uma grande transformação em 20 anos, mas o impacto que o torneio causa nas pessoas ao redor do mundo certamente não mudou. “Durante a Copa do Mundo de 2018, meus companheiros e eu também pudemos ver o espírito de união que estava tomando conta de casa após cada jogo”, disse ele. “Jogo após jogo, pudemos sentir isso crescendo. Foi mágico.” Ele concluiu: “O futebol tem o poder de criar um mundo melhor na medida em que une cidades, regiões e países. Pode até unir o mundo inteiro!”

Fonte: Agência Esporte