Domingo, 19 de Maio de 2024

POLÍCIA Quinta-feira, 01 de Fevereiro de 2024, 10:19 - A | A

Quinta-feira, 01 de Fevereiro de 2024, 10h:19 - A | A

EM 16 ESTADOS

Mega operação prende três por tráfico em MT  e cumpre outros 304 mandados

Da Redação do O Bom da Notícia com Assessoria

Uma operação da Polícia Civil de Alagoas para prender traficantes se estendeu para mais 16 estados da federação nesta manhã de quinta-feira 01.02. A operação teria o objetivo de cumprir cerca de 307 mandados de buscas e apreensões contra um grupo criminoso.

Denominada de Hades, a operação investiga desde 2021, para apurar a movimentação de quatro pessoas em Alagoas acusadas de tráfico de entorpecentes. O trabalho foi realizado pela Diretoria de Combate ao  Crime Organizado (Draco).

Todos os mandados formam expedidos pela 17ª Vara Criminal de Alagoas, com apoio do Ministério Público de Alagoas.

Foram cumpridos 79 mandados de prisão e 228 busca e apreensão da quadrilha que estavam espalhadas nos estados de Alagoas, Bahia, Amazonas, Ceará, Goiás, Mato Grosso, mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Pará, Paraná, Pernambuco, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Roraima, Santa Catarina e São Paulo.

As informações de dois casais são suspeitas de liderar o tráfico de drogas, e dividiu o grupo em duas organizações. Onde uma atuava em Alagoas e outra no Pará. Que segundo a polícia tinha um esquema sofisticado para realizar as vendas e os transporte de drogas e lavagem de dinheiro.

No estado de Alagoas o casal  atuava fortemente na cidade de Maceió. De onde eles realizavam o comércio e a distribuição dos produtos, criando uma verdadeira  rede de distribuição de drogas.

No Pará um homem liderava todo o comercio e comandava como seria distribuídas as drogas. Com vasta experiência neste tipo de atividade. Segundo a polícia ele já era traficante quando morava em Alagoas e quando morava na cidade, tinha como comercio os bairros nobres daquele estado. Como Pajuçara, uma das praias mais movimentadas do estado, Jacarecica, Jatiúca e Mangabeiras.

Ainda segundo as investigações, as drogas eram trazidas do estado do Amazonas, que faz fronteira com Colômbia e Peru.

As investigações detectaram alguns criminosos que fazem parte da quadrilha em Mato Grosso. Onde foram cumpridos 13 mandados, sendo três de prisão e 10 buscas e apreensão.

 

No Alagoas estado base da quadrilha a polícia prendeu sete pessoas e cumpriu 20 buscas e apreensões .

No Amazonas foram cumpridas três prisões e 26 buscas.

Na Bahia foram realizados apenas dois mandados de busca e apreensão.

No Ceará foram cumpridas três prisões e oito buscas e apreensões.

Em Goiás 10 buscas e apreensões.
Em Mato Grosso do Sul foram cumpridas 19 prisões e 42 mandados de buscas.

Em Minas Gerais cinco mandados, sendo uma prisão e quatro buscas.

No Pará foram realizadas 14 prisões, e 26 buscas.

No Paraná apenas uma prisão.

Em Pernambuco foram feitos duas prisões e um mandado de busca.

No Piauí uma prisão e uma busca e apreensão.

No Rio de Janeiro foram presas quatro pessoas, e sete buscas e apreensões,

No Rio grande do Norte apenas um mandado de busca foi realizado.

Em Roraima teve um preso e foram realizadas duas buscas e apreensões.

Em Santa Catarina teve um preso e foram realizadas três buscas e apreensões. Em são Paulo forma realizadas 19 prisões e 65 buscas.