Quinta-feira, 20 de Junho de 2024

POLÍTICA Domingo, 26 de Maio de 2024, 09:07 - A | A

Domingo, 26 de Maio de 2024, 09h:07 - A | A

BRASIL 2027

Abilio teme corrupção em Mundial Feminino e pede que BRT fique pronto antes da Copa

Evelyn Siqueira/ O Bom da Notícia

Na Câmara de Vereadores de Cuiabá, o deputado federal Abilio Brunini (PL) pontuou - em conversa com a imprensa nesta quinta-feira (23) -,  que há, sim, risco de novas ações corruptas ocorrerem durante a Copa do Mundo Feminina, em 2027. E que isto seria natural a partir da criação de novas legislações, ‘abrindo brechas para contratações sem licitação’.

Bolsonarista e oposição ferrenha ao governo Lula, Abílio não perde nenhuma oportunidade para apontar à imprensa qualquer mal feito, supostamente, da administração petista. Assim, segundo o parlamentar, uma prova incontestável de atos de corrupção no esporte ocorreu na Copa do Mundo, em 2014, quando o Brasil foi sede e Mato Grosso um dos estados que também recebeu o Mundial do Futebol. Mas na época com a Governadoria comandada por Silval Barbosa - que naquele período era filiado ao PMDB. Seus atos de corrupção e desvio de recursos nas obras da Copa lhe renderam um bom tempo na prisão, com sua liberdade sendo condicionada à uma delação premiada e devoluções até hoje de vários bens.

“O risco sempre corre! Até porque já temos o risco de corrupção na própria Fifa, pois ela tem diversas denúncias de corrupção, inclusive, com a escolha das sedes. E já havia denúncia durante a escolha da sede em 2014 no governo da esquerda, - no governo do PT -, e agora novamente no governo do PT ocorrerá uma outra Copa, então há uma nova possibilidade disso. Pois quando se cria um campeonato Internacional como a Copa do Mundo Feminina, cria-se também uma série de legislações que abrem brechas para contratações sem licitação ou uma forma diferenciada de licitação e todos nós sabemos como fica a situação”, disse

Também durante a conversa com a imprensa, o deputado cobrou de Mauro Mendes(União Brasil), a finalização das obras do Bus Rapid Transit (BRT) em Várzea Grande. Ao alertar o governador que não repita os erros da gestão do ex-governador, Pedro Taques.

“Eu espero que o governador Mauro Mendes não repita o que aconteceu no passado, que pelo menos no nosso estado isso não se repita! Não posso dizer pelos demais estados, Assim, que o BRT fique pronto já que não terá mais o VLT, e a obra do BRT está parada com o serviço muito mal feito! Espero que essa obra saia antes do evento da Copa do Mundo Feminina[2027], porque Várzea Grande já está sofrendo”.