icon Segunda-feira, 14 de Junho de 2021

BRASIL & MUNDO Segunda-feira, 25 de Novembro de 2019, 14:55 - A | A

Witzel tenta retirar seguranças de bolsonaristas e Flávio critica: "Covardia"

IG Política

Flávio Bolsonaro e Wilson Witzel arrow-options
Reprodução
Flávio Bolsonaro e Wilson Witzel

O senador Flávio Bolsonaro criticou, nesta segunda-feira (25), a decisão do governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel (PSC), de pedir o retorno de 14 agentes que faziam a segurança de deputados aliados ao presidente Jair Bolsonaro. 

Leia também: Eduardo Bolsonaro faz piada com erro de português de Haddad no Twitter

"Parabéns aos deputados que conseguiram liminar para derrotar ato irresponsável e ilegal do governador do RJ, que mandava devolver policiais cedidos a eles. Por quê apenas os policiais de deputados que estão com Bolsonaro, governador? Que covardia, que mesquinharia!", escreveu Flávio Bolsonaro em sua conta do Twitter. 


A iniciativa ocorreu logo após uma declaração de Bolsonaro , que afirmou que Witzel transformou sua vida em um "inferno" ao supostamente vazar informações sobre o caso Marielle Franco. De acordo com o jornal O Globo , o governador então determinou o retorno dos agentes de gabinetes de cinco parlamentares do PSL. 

Os deputados, no entanto, conseguiram uma liminar para reverter a decisão de Witzel . Em suas redes sociais, o deputado Dr. Serginho afirmou que trabalhou durante o fim de semana para conseguir "afastar o ato de covardia". 




Fonte: IG Política


Imprimir

Comentários