Terça-feira, 23 de Julho de 2024

POLÍCIA Sexta-feira, 15 de Setembro de 2023, 14:21 - A | A

Sexta-feira, 15 de Setembro de 2023, 14h:21 - A | A

EM GUIRATINGA

PM prende motorista e apreende caminhão com 48 toneladas de soja furtada

Veículo com carga de grãos apresentava placas adulteradas

Da Redação do O Bom da Notícia/Com Assessoria

Policiais militares de Guiratinga prenderam um homem de 44 anos por furto e desvio de carga, nesta quinta-feira (14), na MT-270. Ele dirigia um caminhão carregado com 48 toneladas de soja furtadas e com placas adulteradas. 

No Distrito de Ranulfo, a equipe do 2º Pelotão de Polícia Militar de Guiratinga abordou o caminhão que estava sem a placa traseira de identificação do cavalo mecânico. Ao ser informado sobre a infração, o motorista apresentou nervosismo e começou a se contradizer.

O suspeito afirmou, primeiramente, que estava prestando apoio a outro caminhão que estaria quebrado, mas não informou o nome do suposto motorista e da empresa. Por fim, alegou que estava prestando um trabalho para outra empresa e que teria pego a carga em uma fazenda. 

Ao verificarem a documentação e notas fiscais, os policiais notaram que a carga estava sem procedência e que os documentos apresentados por ele não correspondiam com a rota do motorista. 

Os militares fizeram contato com o gerente da fazenda informada pelo suspeito e receberam a confirmação de que outros dois suspeitos teriam carregado um caminhão, sem confirmar se teria sido o mesmo motorista abordado, mas que teriam fugido do local sem prestar contas à gerência.

Ainda no local da abordagem, os policiais fizeram vistoria minuciosa no veículo e identificaram sinais de adulteração no caminhão e que as placas expostas não seriam as mesmas informadas pelo chassi do automóvel.

Diante da suspeita, o motorista recebeu voz de prisão e foi conduzido para a Delegacia de Rondonópolis.

O caminhão com a carga de soja foram entregues à Polícia Civil, que conduzirá as investigações para descobrir a origem da carga e a localização dos outros suspeitos.