Sábado, 18 de Maio de 2024

POLÍTICA Terça-feira, 08 de Novembro de 2022, 15:01 - A | A

Terça-feira, 08 de Novembro de 2022, 15h:01 - A | A

XADREZ POLÍTICO

Advogado de MT participa como observador internacional das eleições americanas 2022

O Bom da Notícia/ Com assesssoria

(Foto: Ilustração/Assessoria)

ELEIÇÕES AMERICANAS.jpeg

 Nesta foto, além de Ademar, está a integrante do Conselho de Supervisão do Condado de Los Angeles, ex-Ministra do Trabalho do Governo Obama e ex-senadora, de amarelo.

O advogado de Mato Grosso especialista em Direito Eleitoral, Ademar Silva, está integrando desde este último domingo(06) até 9 de novembro, a Missão Brasileira de Observação das eleições legislativas americanas 2022, mais conhecidas como midterms.

O advogado que é membro atuante da Academia Brasileira de Direito Eleitoral e Político (ABRADEP), recebeu o convite da instituição para integrar a equipe da Conferência Americana de Organismos Eleitorais (CAOESTE) e da Transparência Eleitoral.

Ademar já está em Los Angeles, no estado da Califórnia, junto a outros membros da missão.

O papel de observador internacional envolve, dentre outras coisas, a fiscalização do processo eleitoral que acontece no País cuja missão atua.

Missões de observação eleitoral são praxes e acontecem em quase todos os países democráticos, onde observadores estrangeiros são convidados para confirmar a lisura do processo.

A agenda oficial da Missão inclui encontros com atores políticos, sociedade civil americana, autoridades eleitorais e culminará em visita aos centros de votação na cidade durante o dia das eleições.

“Essa é a primeira missão internacional que participo. Fiquei muito feliz pelo convite e estou aprendendo bastante sobre o sistema eleitoral americano, que é completamente diferente do brasileiro. Entendo que esse intercâmbio de conhecimento e de troca de experiências com experts e autoridades eleitorais de vários países pode favorecer o aperfeiçoamento dos sistemas democráticos pelo mundo. O Brasil, por exemplo, pode incorporar regras de maior transparência eleitoral e de moderação de conteúdo online que têm apresentado resultados positivos em outras nações. Apenas no condado de Los Angeles, Estado da Califórnia, onde fui designado, há observadores internacionais oriundos de mais de dez países”.

A Transparência Eleitoral é uma organização com quase 10 anos de trajetória dedicada à observação dos processos eleitorais nas Américas, visando eleições transparentes, justas e equitativas.