Quarta-feira, 24 de Julho de 2024

POLÍTICA Domingo, 23 de Junho de 2024, 18:11 - A | A

Domingo, 23 de Junho de 2024, 18h:11 - A | A

PEGANDO LEVE

"Me dou bem com o Mauro Mendes, mas não sou um puxa saco", diz Abilio após crítica do governador

Silvano Costa/Marisa Batalha/O Bom da Notícia

O pré-candidato à Prefeitura de Cuiabá e deputado federal Abilio Brunini (PL) garantiu - por meio de postagem em suas redes sociais -, possuir uma boa relação com o governador de Mato Grosso, Mauro Mendes (União). Ao, contudo, asseverar que o futuro prefeito da capital precisa cultivar uma boa relação com o governador, e não ser tão somente um "puxa saco".

A resposta veio após brincadeira de Mendes com jornalistas, no Palácio Paiaguás, na última quinta-feira (20), quando arguido pela imprensa, sobre o deputado federal, o gestor estadual, em tom de brincadeira, acabou dizendo que o "grande problema de Abilio é enfrentar sua própria língua". 

"Eu me dou muito bem com o Mauro Mendes. A gente tem um relacionamento super tranquilo". Mas tem que ter um meio termo, um ótimo relacionamento com o Governo do Estado, mas não ser puxa saco, nem capacho. Tem que ter a capacidade de chegar e falar: isso não está bom, precisamos melhorar. E também ter a capacidade de falar: como eu posso ajudar?', explicou.

"Claro que a gente não sai pra comer baguncinha, até porque eu não vejo o Mauro saindo pra comer baguncinha, mas eu vou comer no baguncinha e convido, se quiser, estou pronto para ir junto", brincou.

Entretanto, recentemente, Abilio disse que estaria enfrentando a 'máquina do Estado' na disputa, em Cuiabá, pelo comando do Palácio Alencastro, ao se referir à oficialização do apoio de Mendes ao presidente da Assembleia Legislativa e, igualmente, pré-candidato Eduardo Botelho(União). Ainda chegando a revelar que o partido do Chefe do Executivo, o União Brasil, teria dentro de seus quadros representantes ligados ao crime organizado.

Também, ao responder à brincadeira de Mendes, deixou nas entrelinhas, que tendo, por exemplo, como o governador o objetivo, caso ganhe a Prefeitura de Cuiabá, de asfaltar 100% a capital buscaria empreiteiros sérios pois não é intenção dele contratar empresas que não têm qualidade de serviço e ainda porr cima deixa-los bilionários.

"Eu quero ajudar o governador pra gente asfaltar 100% Cuiabá, mas com qualidade, não pra dar dinheiro pra empreitero de pavimentação asfáltica ficar bilionário".

Para Abilio, o conhecido problema do asfalto da capital acontece porque o serviço é mal feito, o que, segundo ele, explicaria as frequentes operações de tapa-buraco na cidade, e que não resolvem o problema de forma definitiva. 

"O serviço mal feito, depois tem que ser feito de novo. Um asfalto que é feito de má qualidade fica deformado, abre buraco, aí depois tem que fazer tapa-buraco, recapear", disse.

Entenda o caso

Nesta quinta-feira (20), durante uma entrevista concedida no Palácio Paiaguás, Mauro Mendes alfinetou o pré-candidato a prefeito Abilio Brunini, dizendo que o maior desafio do atual deputado é "enfrentar a própria língua". 

A resposta veio após um questionamento sobre a fala de Abilio de que estaria disputando contra a "máquina do Estado", uma vez que o pré-candidato Eduardo Botelho conta com o apoio do governador. A crítica feita por meio de brincadeira foi feita, inclusive, com Abilio presente na coletiva, assim, ouvir tudo de perto.