icon Segunda-feira, 14 de Junho de 2021

BRASIL & MUNDO Quinta-feira, 12 de Dezembro de 2019, 16:16 - A | A

PSL expulsa Bia Kicis por fazer divulgação do Aliança Pelo Brasil

IG Política

Bia Kicis arrow-options
Vinicius Loures/Câmara dos Deputados
Deputada foi expulsa por fazer divulgação de partido de Bolsonaro

O PSL decidiu expulsar nesta quinta-feira (12) a deputada federal Bia Kicis (DF) por fazer propaganda do Aliança Pelo Brasil, partido do presidente Jair Bolsonaro. Segundo o jornal Folha de S. Paulo, uma notificação do presidente ad sigla, Luciano Bivar, a parlamentar cometeu "grave infração ética" e desrespeitou os princípios de fidelidade partidária estabelecidos no estatuto do PSL.

"É notório que a deputada em questão vem realizando campanha em favor do partido em formação denominado 'Aliança', e para tanto desacreditando a agremiação à qual pertence atualmente", escreveu Bivar.

Leia também: Dias após Paraisópolis, Eduardo Bolsonaro replica mensagem ironizando baile funk

O documento assinado pelo líder da sigla diz que a conduta de Bia Kicis, "pública e reiterada, implica em ofensa inadmissível à imagem do partido, bem como evidencia ação contrária ao programa partidário".

Nesta quarta, a briga interna do PSL ganhou um novo capítulo. Com a suspensão de Eduardo Bolsonaro e mais 17 parlamentares do partido por decisão do diretório nacional da legenda, a deputada Joice Hasselmann (SP) eleita nova líder do governo na Câmara. 

No meio da tarde, no entanto,  uma decisão da Justiça de Brasília suspendeu as punições dos 18 parlamentares.



Fonte: IG Política


Imprimir

Comentários